Terça-feira, 14 de Abril de 2009

Crânios de Cristal - Incríveis Portais para o Passado

Crânios de Cristal - Incríveis Portais para o Passado
de
David Hatcher Childress


Páginas: 208
 

O versátil arqueólogo e explorador David Hatcher Childress apresenta a tecnologia e o que se sabe sobre os cristais, e então mergulha em uma busca completa pela origem dos crânios de cristal. A história da Mesoamérica, onde se afirma que os crânios surgiram, é abundante na magia dos olmecas, zapotecas, maias e astecas. Os tempos turbulentos da Revolução Mexicana servem de cenário para as aventuras de Ambrose Bierce, jornalista renomado que desapareceu nas selvas em 1913, e F. A. Mitchell-Hedges, o notório aventureiro que supostamente emergiu das selvas com o mais famoso dos crânios de cristal. Childress aviva esses assuntos com sua característica elegância.

Stephen S. Mehler, o eminente arqueólogo e historiador da Pré-História, demonstra seu vasto conhecimento e experiência com os crânios de cristal. Envolvido nesse campo de pesquisa desde os anos 1980, ele examinou pessoalmente vários dos crânios mais influentes e já trabalhou ao lado de líderes em pesquisa com crânios de cristal, incluindo o inigualável Nick Nocerino, que desenvolveu uma metodologia meticulosa com o propósito de examinar os crânios.

Fique a par das últimas descobertas no mundo dos crânios de cristal e aprenda com quem está por dentro do assunto! Entre no mundo dos crânios de cristal, a evidência concreta do efêmero.


O AUTOR -
Com 19 anos, David Hatcher Childress deixou os Estados Unidos para uma pesquisa de seis anos e uma odisseia de aventuras. Ele estudou primeiramente as civilizações antigas da África, do Oriente Médio e da China. Em sua trajetória, realizou excursões a territórios geralmente perigosos, como Uganda, durante a queda de Idi Amin. Também fez expedições pela América do Sul, por outros lugares da África e por remotas ilhas do Pacífico, o que lhe rendeu o título de Indiana Jones da Vida Real, conferido pela mídia. É autor de Vimana - Aeronáutica da Índia Antiga e da Atlântida e de As Fantásticas Invenções de Nikola Tesla (publicados em língua portuguesa pela Madras Editora). Stephen S. Mehler nasceu e cresceu em Nova York, Estados Unidos. Foi um egiptólogo independente por mais de 30 anos. Possui dois mestrados e atuou como cientista de investigação para a Ordem Rosacruz, na Califórnia. Sua educação centrou-se nas ciências, e ele recebeu um MBA em Anatomia e Fisiologia da Hunter College (City University of New York). Serviu na Força Aérea Americana durante a Guerra do Vietnã e, depois, foi para a Califórnia, quando retomou trabalhos acadêmicos. Ele obteve mestrado em Ciências Naturais, pela San José State University, com especialização em Ecologia Humana.

Descobriu seu amor pela Pré-História quando trabalhou em uma escavação arqueológica na França, em 1974, com o professor François Bordes, da Universidade de Bordéus, então diretor de Antiguidades no sudoeste da França. Voltando para a San José State University, Stephen conquistou um segundo mestrado, em Ciências Sociais, com especialização em Pré-História e História Antiga, em 1978.

Desde 1968, tem pesquisado atentamente sobre o Antigo Egito, especialmente a respeito do rei Akhenaton e da era conhecida como Período Amarna. Envolveu-se com a Ordem Rosacruz, AMORC, em 1977. Stephen também cita os escritos de John Anthony West, Murry Hope e Bika Reed como principais influências em seu estudo sobre Egiptologia. Enquanto pesquisador da Ordem Rosacruz, Stephen experienciou e pesquisou o que se tornou conhecido como o Crânio de Cristal Maia. Desde então, tem trabalhado com outros três antigos crânios de cristal: o Crânio de Cristal de Ametista, o famoso Crânio de Cristal de Mitchell-Hedges e o Crânio de Cristal do Texas .

UM LANÇAMENTO



publicado por o editor às 11:18
link do post | comentar | favorito
1 comentário:
De debt help a 24 de Setembro de 2009 às 07:49
Aprecio mucho su presentación debido a que están dando acerca de su gran experiencia. Tengo mucho más únicos y más interesantes de la información en su puesto. Estoy tan sorprendido al leer tu post útil Estoy de acuerdo con usted lo que está diciendo y la introducción para nosotros, porque esta noticia es muy mejor noticia para todos, especialmente para mí porque siempre busca como estos correos. Gracias de nuevo.


Comentar post

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

.FALE COM A GENTE


.subscrever feeds