Segunda-feira, 16 de Janeiro de 2017

Casa-Museu Ema Klabin reabre no feriado de Aniversário de São Paulo

 

 

 

 
Após passar pela higienização anual do acervo, a casa- museu  reabre para visitas mediadas. No feriado (25)  haverá uma caminhada fotográfica pelo bairro do Jardim Europa e nos meses de janeiro e fevereiro várias atrações para as crianças. Entrada franca
A residência de 900 m² foi inspirada no Palácio de Sanssouci, em Potsdam, Alemanha e conta com um acervo de mais de 1500 obras de arte.
A Fundação Ema Gordon Klabin, no Jardim Europa, reabre ao público no dia 25 de janeiro (quarta-feira) e é uma ótima opção de passeio para apreciadores de arte. Esse ano, a casa-museu comemora dez anos e contará com uma rica programação cultural.   O espaço abre de quarta a domingo, das 14h às 17h (com permanência até às 18h), sem agendamento. Aos finais de semana e feriados a visita tem entrada franca. Nos outros dias, o ingresso custa R$ 10,00 (inteira) e R$ 5,00 (meia).
No aniversário de São Paulo (25), à partir das 14h, a casa também oferece uma caminhada fotográfica pelo bairro do Jardim Europa. A ideia é que os participantes registrem características desse tradicional bairro paulistano pensando sua relação com o desenvolvimento da cidade. As inscrições são gratuitas e estão abertas no site. É necessário levar uma câmera que pode ser a do celular.
E para a criançada, as férias continuam no museu com uma série de oficinas artísticas nos meses de janeiro e fevereiro, das 14h às 16h.  A primeira delas, a Oficina de Desenho “Contornando o Invisível”, será no dia 28/01 (sábado), com inscrições gratuitas no site.  
 
Grandes mestres da arte
Casa-museu reúne obras de artistas como Chagall, Frans Post , Di Cavalcanti e outros
 
A casa-museu reúne mais de 1.500 obras, entre pinturas do russo Marc Chagall e do holandês Frans Post, dos modernistas brasileiros Tarsila do Amaral, Di Cavalcanti, Portinari e Lasar Segal; talhas do mineiro Mestre Valentim, mobiliário de época, peças arqueológicas e decorativas.
Construída na década de 50 pelo engenheiro-arquiteto Ernesto Becker, a residência de 900 m² foi inspirada no Palácio de Sanssouci, em Potsdam, Alemanha, e foi inaugurada em 1960. Ema Klabin viveu ali até 1994, após sua morte, a casa passou a ser a sede da instituição que leva seu nome e reúne sua coleção de arte adquirida ao longo de mais de quatro décadas em galerias e antiquários no mundo inteiro.
Em março, a casa-museu comemora dez anos aberta ao público. O espaço oferece, durante todo o ano, uma programação cultural variada e de qualidade que inclui, além das visitas guiadas ao acervo, atividades como exposições, shows, documentários, cursos e oficinas, tornando-se referência na vida cultural da cidade de São Paulo.  Em 2016, mais de doze mil pessoas conheceram a casa, que também promoveu 34 shows gratuitos.
 
Serviço:
Visitas Mediadas à Fundação Ema Klabin
Reabertura:  25 de janeiro
Datas e horários: Quarta a domingo, das 14h às 17h, com permanência até às 18h.
Duração: As visitas duram em média uma hora.
Preço: Sábados, domingos e feriados: Entrada franca. De quarta a sexta: R$ 10,00 (inteira) e R$ 5,00 (meia).  Professores não pagam.   
Não há necessidade de agendamento prévio.
Caminhada fotográfica:   dia 25/01, às 14h, 20 vagas, gratuita, inscrição no site www.emaklabin.org.br   
Oficinas para crianças:  dias   28/01 , 04, 11 e 18/02, 25 vagas (por oficina), gratuitas, inscrição no site www.emaklabin.org.br   
Confira a programação das oficinas para as crianças:
http://registroabertura.comunique-se.com.br/ViewPage.aspx?mid=5bc488da-460e-4131-9502-bfe1a22a2fa7
Indicação: livre
Endereço: Rua Portugal, 43, Jardim Europa, São Paulo.
telefone (11) 3897-3232
 
publicado por o editor às 17:27
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 12 de Janeiro de 2017

Show Cronistas da Cidade homenageia São Paulo em seu 463º aniversário

 

 

 

 
No repertório, clássicos de Adoniran Barbosa e Paulo Vanzolini na voz de Dani Mattos & Toque de Bambas. Show tem participação especial do ator Pascoal da Conceição que interpretará poesias de Mario de Andrade. Ao final, o público poderá curtir a Velha Guarda do Samba da Barra Funda. 
Show com Dani Mattos & Toque de Bambas traz o melhor do samba no aniversário de São Paulo.  Foto Douglas Garcia
 
No próximo dia 25 de janeiro, quarta-feira, às 11h, a Casa Mário de Andrade recebe o show Cronistas da Cidade, onde o grupo Dani Mattos & Toque de Bambas homenageia em verso, prosa e muito samba, a cidade de São Paulo, através das composições de Adoniran Barbosa, Paulo Vanzolini e Germano Mathias.
No repertório, clássicos como Samba no Bixiga, Luz da Light/Acende o candeeiro, Samba Italiano, Apaga o fogo, Mané (Adoniran Barbosa), Praça Clovis, José, Samba Erudito (Paulo Vanzolini) entre outros.
Com toques de humor, o show busca ilustrar as canções com breves informações e diálogos desses compositores que retrataram a vida na capital durante o século XX. “Aliamos ao repertório musical desses mestres do samba, a poesia de Vanzolini, e diálogos cômicos criados por Adoniran e Osvaldo Moles para as típicas personagens das novelas de rádio”, explica a cantora e pesquisadora, Dani Mattos.
Adoniran e Vanzolini, capturaram em suas composições o jeito de ser peculiar do habitante da cidade de São Paulo, recém metrópole, repleta de viadutos e edifícios altos, mas também de arrabaldes, vilas e ruas de aspecto interiorano, onde a luz da Light sempre acabava dando lugar a vela e o querosene.
O espetáculo traz como convidado especial o ator, diretor e produtor teatral Pascoal da Conceição que interpretará poesias de Mario de Andrade. O artista atuou em diversos papéis no teatro, cinema e na TV, os mais conhecidos: Dr. Abobrinha na série infantil “Castelo Rá-Tim Bum” (TV Cultura), Mário de Andrade na minissérie “Um Só Coração” e na minissérie JK (Rede Globo).
Sobre Dani Mattos & Toque de Bambas
Formado em 2008 em rodas de samba, Dani Mattos & Toque de Bambas exploram compositores e temas da história do samba e da Música Popular Brasileira, do século 20 até os dias atuais. A proposta do grupo é a exaltação de sambas clássicos, atemporais por meio de vasta pesquisa sobre as obras de compositores como: Vanzolini, Germano Mathias, Adoniran Barbosa, Geraldo Pereira, Príncipe Pretinho e outros grandes nomes eternizados por suas canções.
O grupo é formado por Dani Mattos (voz, direção musical e artística), Tito Longo (vocal, cavaquinho, arranjos e direção musical); Rodrigo Carneiro (7 cordas), Edu Batata (vocal e percussão) e Koka Pereira (percussão).
Sobre a Casa Mário de Andrade:
A Oficina Casa Mário de Andrade foi inaugurada em agosto de 1990, no bairro da Barra Funda, endereço da antiga casa do escritor e intelectual Mário de Andrade, um dos principais ideólogos do movimento modernista e da Semana de Arte Moderna, em 1922.
A Casa abriga, além de oficinas de literatura e escrita, uma exposição permanente com objetos pessoais do modernista, além de gravações e filmes nos quais ele aparece.
Sobre a Poiesis
A POIESIS – Instituto de Apoio à Cultura é uma organização não governamental. A instituição, tem por objetivo o desenvolvimento sociocultural e educacional, com ênfase na preservação e difusão da cultura, desenvolve e gere programas e projetos, pesquisas e espaços culturais, museológicos e educacionais voltados para o complemento da formação de estudantes e público em geral. A POIESIS trabalha com o propósito de propiciar espaços de acesso democrático ao conhecimento, de estímulo à criação artística e intelectual e de difusão da língua e da literatura.
Serviço:
Show Cronistas da Cidade com Dani Mattos & Toque de Bambas
Data: 25/01/2017
Horário: 11h – quarta-feira
Entrada franca
80 lugares
Duração 1h30
Local: Oficina Cultural Casa Mário de Andrade
Endereço: Rua Lopes Chaves, 546 - Barra Funda Tels.: (11) 3666-5803 / 3826-4085

 

 
publicado por o editor às 13:42
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 14 de Dezembro de 2016

Última semana de visitas à Casa-Museu Ema Klabin em 2016

 

 

 

Com um dos mais importantes acervos do país, a casa-museu estará aberta para visitas até domingo (18). Entre nesta viagem e fique frente a frente com  mestres como Marc Chagall, Frans Post, Portinari, Di Cavalcanti, Tarsila do Amaral , Victor Brecheret.
Inspirada no Palácio de Sanssouci, em Potsdam, Alemanha, museu abriga mais de 1500 obras de grandes mestres da arte. Jardim da casa leva assinatura de Burle Marx.
Essa é a última semana para visitar a Fundação Ema Klabin em 2016. As visitas podem ser realizadas de quarta (14) até domingo (18), das 14h às 17h, sem agendamento. De 19 de dezembro de 2016 a 24 de janeiro de 2017 a instituição  estará fechada para a manutenção anual do imóvel e higienização do acervo.
A Casa - Museu retorna suas atividades no aniversário de São Paulo, em 25 de janeiro de 2017.  A data também celebra o aniversário de Ema Klabin, que se fosse viva completaria  110 anos.  
Para o próximo ano, quando a casa-museu comemora  dez anos, estão previstos uma série de eventos culturais: shows e concertos gratuitos pelos Programas Tardes Musicais, Música do Mundo e Nova Música, exposições, bate-papo com artistas (Arte-Papo), Aula de Mestres, oficinas, feira de trocas, cursos e palestras.  A programação cultural para o primeiro trimestre estará disponível no site, a partir de janeiro.
 Aberta ao público desde março de 2007, a casa-museu abriga uma valiosa coleção de mais de 1500 obras, entre pinturas do russo Marc Chagall, do holandês Frans Post, talhas do mineiro Mestre Valentim, mobiliário, peças arqueológicas e decorativas.
O acervo artístico é oriundo de quatro continentes e diversas civilizações, com grande ênfase na arte europeia e brasileira, importantes núcleos de arte asiática, arte africana, artes decorativas, obras da Antiguidade Clássica e do período pré-colombiano, cobrindo um arco temporal de mais de 3500 anos.
Salão de festas onde estão dispostas as peças mais raras da casa foi decorado pelo italiano Terri Della Stuffa, pioneiro do design de interiores em São Paulo.
 
 
Serviço: 
Visitas à Fundação Ema Klabin:
Datas e horários: Quarta a domingo, das 14h às 17h, com permanência até às 18h.
Aberta até o dia 18/12/2016. Fechada para higienização do acervo de19/12/2016 até 24/01/2017. Reabertura:  25/01/2017
Duração: As visitas duram em média uma hora.
Preço: Sábados e domingos: Entrada franca. De quarta a sexta: R$ 10,00 (inteira) e R$ 5,00 (meia).  Professores não pagam.            
Não há necessidade de agendamento prévio.
Indicação: livre
Endereço: Rua Portugal, 43, Jardim Europa, São Paulo.
www.emaklabin.org.br    telefone (11) 3897 3232

 

 
publicado por o editor às 10:14
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 29 de Novembro de 2016

Feira Étnica na Fundação Ema Klabin traz artesanato, artigos e gastronomia de vários países  

 

 

 
Durante a programação o público poderá adiantar as compras de Natal, participar de  oficinas gratuitas  e curtir apresentações musicais.   
           Feira Étnica : produtos da Síria, Senegal, África, Paquistão, Haiti, Colômbia  e outros te aguardam.   foto: Divulgação 
 A Fundação Ema Klabin em parceria com a Ong ADUS ( Instituto de Reintegração do Refugiado Brasil) promove no próximo sábado,  10 de dezembro , das 13h às 18h,  a segunda edição da  Feira Étnica. 
O evento  acontece com expositores de diversos países e terá pratos , artigos típicos  e  objetos de arte.  Durante o evento o público pode participar de oficinas gratuitas de turbantes africanos e de cartões de Natal  e curtir o som da  Banda Senegal Sunugal . Tudo com entrada franca.
Toda a verba arrecadada será revertida para a  ONG ADUS ( Instituto de Reintegração do Refugiado Brasil). 
 
 Visite a Casa-Museu
 
Foto : Divulgação
 
Durante a Feira, a casa-museu Ema Klabin estará aberta para visitação, das 14h às 17h.  A Fundação Ema Klabin possui um rico acervo de mais de 1500 obras de grandes mestres da arte mundial. 
 
Serviço:
Data: 10  de dezembro  (sábado)
Feira Étnica - das 13h às 18h – entrada franca 
Show com a banda africana Senegal Sunugal -  14 h  e  16h30 
Visita Guiada à casa-museu Ema Klabin: das 14h às 17h, com permanência até as 18h. As visitas duram em média uma hora. Entrada franca (sábados e domingos). De quarta a sexta: R$ 10,00 (inteira) e R$ 5,00 (meia).  
Indicação: livre
Endereço: Rua Portugal, 43, Jardim Europa, São Paulo.
www.emaklabin.org.br    telefone (11) 3897 3232

 

 
publicado por o editor às 13:20
link do post | comentar | favorito

A importância da Música na Bíblia Judaica é tema de palestra na Fundação Ema Klabin

 

 

 

Encontro será ministrado pelo compositor  Jean Goldenbaum,  doutor em musicologia pela Universidade de Augsburg, Alemanha 
Imagem : divulgação
No próximo sábado,  3 de dezembro, às 11h, o compositor de música erudita Jean Goldenbaum promove a palestra “A importância da música na Bíblia Judaica” na Fundação Ema Klabin.
A palestra traçará paralelos entre instrumentos bíblicos e os da orquestra moderna, explicando suas funções religiosas e sociais, com imagens (pintura, escultura e outros) que ao longo dos séculos ilustraram a íntima relação travada entre Judaísmo e música, além de trazer ao público as mais relevantes passagens da Bíblia Judaica em que a música ou outros fenômenos sonoros se fazem presentes, indicando a importância da musicalidade.
Sobre o palestrante:
Jean Goldenbaum é compositor de música erudita e doutor em musicologia pela Universidade de Augsburg, Alemanha. É pesquisador do Centro Europeu de Música Judaica da Universidade de Hannover. Sua música é executada em diversos países.
 
Serviço:
Data: 03/12 (sábado) 11h
PALESTRA : “V’chol znei zmara” – “E todos os tipos de música”: A importância da música na Bíblia Judaica  com Jean Goldenbaum
Investimento: RS35,00
30 vagas
Inscrições : http://emaklabin.org.br/
Endereço: Rua Portugal, 43, Jardim Europa, São Paulo.
telefone (11) 3897 3232

 

 
publicado por o editor às 12:47
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 15 de Novembro de 2016

Café Tango toca Astor Piazzolla na Casa-Museu Ema Klabin

 

 
 
Antes visite a casa-museu Ema Klabin e conheça o acervo de mais de mais de 1500 obras de arte.
 
Desde  2005, quinteto dedica-se  a pesquisar as obras do compositor argentino Astor Piazzolla, criador do estilo “Tango Novo” -  Foto: Ana Dourado
No próximo dia 19 de novembro (sábado), às 16h30, o grupo Café Tango interpreta obras de um dos maiores compositores da América Latina Astor Piazzolla, pelo Programa Música do Mundo da Fundação Ema Klabin. No repertório, clássicos como   “Adiós Nonino” e “La Suite del Ángel” (trilha sonora para da peça teatral “El Tango del Angel”).
Com mais de dez anos de história, o quinteto Café Tango explora também composições próprias e de outros compositores e já tem dois discos gravados. O grupo é formado por Fabio dos Santos (violino), Edu Guimarães (sanfona), Diego Beirão (guitarra), Pedro Assad (piano) e Taís Gomes (contrabaixo).
 
Conheça um dos mais importantes acervos artísticos do país: 
 
Antes do show visite à Casa-Museu Ema Klabin, das 14h às 17h. Aberta ao público desde março de 2007, a  casa-museu, antiga residência da mecenas, colecionadora e empresária Ema Klabin (1907-1994)  abriga um valioso acervo de mais de 1500 obras de arte entre pinturas do russo Marc Chagall, do holandês Frans Post, talhas do mineiro Mestre Valentim, mobiliário, peças arqueológicas e decorativas.
Serviço:
Data: 19/11 – sábado
Música do Mundo: ShowCafé Tango toca Astor Piazzolla” -  Horário: 16h30
Visita à Casa-Museu : Quarta a domingo, das 14h às 17h, com permanência até as 18h, sem agendamento – Sábados e Domingos entrada franca. De quarta à sexta R$10,00
Indicação: livre
Entrada Gratuita
Local: Fundação Ema Klabin
Endereço: Rua Portugal, 43, Jardim Europa, São Paulo -SP
Tel. 3897-3232

publicado por o editor às 15:34
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 8 de Novembro de 2016

Casa-Museu Ema Klabin promove Feira Étnica e workshop de gastronomia

 

 
 
Artigos e comidas de vários países estarão presentes na Feira. Durante o evento é possível visitar a casa-museu e seu acervo com mais de 1500 obras de arte. 
 
Feira Étnica : produtos da Síria, Senegal, África, Paquistão, Haiti e outros te aguardam.
 
Que tal conhecer a gastronomia, produtos  e o artesanato  de vários países? A Fundação Ema Klabin em parceria com a Ong ADUS ( Instituto de Reintegração do Refugiado Brasil) promove no próximo dia 12 de novembro (sábado), das 13h às 18h,  a Feira Étnica. 
A Feira  acontece com expositores de diversos países e terá pratos , artigos típicos  e  objetos de arte.  Durante o evento o público pode participar de   oficinas gratuitas de turbantes africanos  e dança árabe (dabke). Tudo com entrada franca.
Workshop de gastronomia 
 
Workshop inclui degustação de prato e suco típico e acontece das 11h às 13h.
 
Estão abertas as inscrições para um workshop de gastronomia "Sabores e Lembranças" que , a cada edição,  traz um casal ou família de uma região diferente para ensinar pratos típicos e contar histórias de seu país. Nesse sábado (12) o casal Yurley Pineda e Yoder Vargas ensinarão a preparar um prato típico colombiano: arroz com frango, salada agridoce e suco de um fruto exótico ( lulo). 
Toda a verba arrecadada será revertida para a  ONG ADUS ( Instituto de Reintegração do Refugiado Brasil). 
 
Serviço:
Data: 12 de novembro (sábado)
Feira Étnica - das 13h às 18h – entrada franca 
Workshop Sabores e Lembranças - Gastronomia Colombiana – das 11h às 13h -   Inscrições no site:  www.adus.org.br/ingressos/
Visita Guiada à casa-museu Ema Klabin: das 14h às 17h, com permanência até as 18h. As visitas duram em média uma hora. Entrada franca (sábados e domingos). De quarta a sexta: R$ 10,00 (inteira) e R$ 5,00 (meia).  
Indicação: livre
Endereço: Rua Portugal, 43, Jardim Europa, São Paulo.
www.emaklabin.org.br    telefone (11) 3897 3232

 

 
publicado por o editor às 18:10
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 31 de Outubro de 2016

Renata De Bonis é a convidada do Arte- Papo na Fundação Ema Klabin

 

 
 
 
Artista aborda paralelos entre paisagens sonoras e enquadramentos visuais
No próximo sábado, 5 de novembro, às 11h, a artista Renata De Bonis fala sobre seu trabalho no Programa Arte Papo da Fundação Ema Klabin.  De Bonis participou de diversas exposições e residências artísticas no Brasil e no exterior desenvolvendo sua investigação em pintura e obras tridimensionais, como esculturas e instalações sonoras.
Nascida  em 1984, em São Paulo,  a artista é formada  em Bacharelado Artes Visuais (FAAP-2006). Dentre exposições destacam-se: preencher o interlúdio sem quebrá-lo, BFA Boatos, SP (2015), Mapping Continents, Lamb Projects, Londres (2015), e Norte, Programa de Exposições do Centro Cultural SP (2014), 3ra Bienal de Montevideo, Montevideo, Der Kula Ring, Eigenheim Galerie, Weimar (2016), Festival Arte Atual, Instituto Tomie Ohtake (2016), Narrativas Poéticas, Museu da Língua Portuguesa, SP (2015), Os Primeiros Dez Anos, Instituto Tomie Ohtake, SP (2011). Em 2015 recebeu bolsa para investigar as paisagens pintadas por Caspar David Friedrich, na Alemanha, pela Künstlerhaus Lukas. Integra também o livro ‘Pintura Brasileira Séc. XXI’, da editora Cobogó.
 
Visite a Casa-Museu Ema Klabin: aos finais de semana tem entrada franca
 
A casa-museu Ema Klabin possui mais de 1500 obras de grandes mestres da arte. Funciona de quarta a domingo, das 14h às 17h, sem agendamento. Aos finais de semana, a visita tem entrada franca. Nos outros dias, o ingresso custa R$ 10,00 (inteira) e R$ 5,00 (meia).
Serviço:
Arte Papo: com a artista Renata De Bonis
Data:  5 de novembro – sábado
Horário:  11h
Entrada franca
Fundação Ema Klabin:  Rua Portugal, 43 - Jardim Europa - São Paulo 
Fones: 11 3897-3232  

publicado por o editor às 08:27
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 27 de Outubro de 2016

Casa-Museu Ema Klabin e Museu Lasar Segall realizam Oficina de Fotografia com Câmera Artesanal

 

 

 
 
                                                                 foto: divulgação 
A Casa- Museu Ema Klabin e o  Museu Lasar Segall estão com inscrições abertas para Oficina de fotografia com Câmera Artesanal.  Serão três encontros aos sábados (5, 19 e 26 de novembro).
Nos encontros,  os participantes irão construir a sua própria câmera artesanal, fotografar e revelar a imagem em laboratório. O  processo permite compreender na prática os conceitos de luz, velocidade, diafragma e possibilita aos participantes o aperfeiçoamento de habilidades fotográficas, inclusive para fotografias com câmera digital.
A programação  acontece nos dois museus com oficinas, palestras e espaço aberto para o debate. A iniciativa tem a parceria do  Grupo de Estudos em Arte e Fotografia da Professora Virginia Araújo ( Departamento de História da Arte da UNIFESP).
 
Sobre a  professora: 
 Dani Sandrini é formada pela ECA-USP e desde 1998 trabalha com fotografia, tanto comercialmente quanto como ferramenta em propostas lúdicas e educacionais.  Desde 2009 dedica-se aos seus projetos autorais em fotografia, atuando entre o Brasil e a Jordânia, onde foi premiada em 2014.  Estuda o entrelaçamento de materiais e suportes com a imagem fotográfica, a memória, a palavra e a ação do tempo sobre as mesmas. Em 2013 agregou  os estudos de psicanálise e acompanhamento terapêutico aos saberes de arte e educação. 
 
Serviço:
Oficina -   Pinhole :  fotografia com câmera artesanal  
Vagas: 15
Datas: 
5 de novembro, das 10h às 13h -  Casa Museu Ema Klabin - Rua Portugal, 43 - Jardim Europa - SP
19 e 26 de novembro, das 14h30 às 17h30 - Museu Lasar Segall - Laboratório de fotografia -Rua Berta, 111 – Vila Mariana – SP 
Investimento: R$ 180,00 (incluso material) -  3 encontros
Inscrição: http://emaklabin.org.br/curso-pinhole-fotografia-com-camera-artesanal-3-encontros-inicio-0511-as-10h/

 

publicado por o editor às 14:10
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 25 de Outubro de 2016

Fundação Ema Klabin abre Festival Internacional de Música Judaica

 

 

 

 
Cantora  e compositora argentina Zulema Benveniste  apresenta canções da tradição judaico-espanhola. Antes do concerto, visite a casa-museu.
 
Zulema Benveniste  faz  concerto de abertura da  7ª edição do Kleztival com entrada franca.  Foto- divulgação 
 
No próximo sábado (29), às 16h30, a Fundação Ema Klabin será palco do concerto de abertura do 7° Festival Internacional de Música Judaica Kleztival.  A cantora Zulema Benveniste  se apresenta  acompanhada por  Juan Grabina (Guitarra e Violão), Joni Strugo (Bateria), Igor Pimenta (Contrabaixo) , John Berman (Clarinete) e com participação especial do  Trio  Estônia de  Daniel Szafran. O concerto tem entrada franca. 
Produzido pelo Instituto da Música Judaica – Brasil (IMJ-Brasil), o Kleztival é uma mostra anual,  não competitiva de música judaica que tem como objetivo  preservar e divulgar a música klezmer, bem como promover o trabalho de artistas nacionais e internacionais que se dedicam a este tipo de música. Este ano,  o festival tem como  tema  "A Voz na Música Judaica" .
A 7ª edição do Kleztival acontece de 29 de outubro a 6 de novembro em vários espaços de São Paulo  e recebe artistas do Brasil e do mundo. Para conhecer a programação completa acesse:   http://imjbrasil.com.br/kleztival/2016.html
Sobre a cantora: Zulema Benveniste
Nascida na Argentina , Zulema Benveniste teve seu primeiro contato com canções em iídiche e judeu-espanhol  através de sua avó Luna y el Zeide León e, desde o primário, teve intensa formação na música local argentina e de tradição de imigrantes judeus. Cantora, professora e compositora, Zulema juntou-se desde 1987 há vários grupos dedicados à música popular Argentina (tango, folclore), incluindo “Em Contraste” e “Mazulhú Cobengó”. Gravou também um álbum de canções para crianças de sua autoria, “Quando você vai, quando você volta”. Em relação ao repertório em iídiche e Ladino, interpretou canções de Itzik Manguer, Shlomo Sekunda, Mark Warschawsky e Beyle Schaechter-Gottesman.
Visite a casa-museu Ema Klabin:
A casa-museu Ema Klabin conta com novos dias e horários para visitação. Funciona de quarta a domingo, das 14h às 17h, sem agendamento. Aos finais de semana, a visita tem entrada franca.
Nos outros dias, o ingresso custa R$ 10,00 (inteira) e R$ 5,00 (meia). A Casa-Museu possui um rico acervo de mais de 1500 obras de grandes mestres da  arte mundial. 
 
Serviço:
7° Festival Internacional de Música Judaica Kleztival. Concerto com Zulema Benveniste
Data: 29/10/2016
Horário: 16h30
Entrada franca
Indicação: livre
Fundação Ema Klabin:  Rua Portugal, 43 - Jardim Europa - São Paulo
Fone: 11 3897-3232 
http://emaklabin.org.br/

 

publicado por o editor às 09:25
link do post | comentar | favorito

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

.FALE COM A GENTE


.subscrever feeds