Quarta-feira, 2 de Setembro de 2015

Workshop Fotografia de Viagem para Turistas com os fotógrafos Jaiel Prado e Simone Silvério  

 

 

 
                                                                                                                           
   Foto:  Studio Trend  
 
Quem não gosta de viajar e voltar com fotos bacanas para recordar e mostrar aos amigos?  Não é preciso ser fotógrafo profissional, nem ter um super equipamento para isso. Um curso ministrado pelos fotógrafos e amantes de viagens Jaiel Prado e Simone Silvério vai dar dicas para amadores que queiram melhorar suas fotos de viagens. O curso acontece no dia 12 de setembro (sábado), das 9h às 18h, no estúdio em Alphaville. 
"O encontro é destinado a quem gosta de viajar, e mesmo sem ser fotógrafo profissional quer fazer fotos legais. Com algumas técnicas, qualquer pessoa pode tirar fotos lindas até mesmo com um celular ", explica o fotógrafo Jaiel Prado.
 O curso dará dicas  e sugestões para melhorar fotos de viagem incluindo: características de cada local ( paisagem, arquitetura, interiores) , retratos, grupos, como lidar melhor com seu equipamento fotográfico, as regras mais usuais de perspectiva, harmonia, cores, enquadramento, gerenciamento , opções de fotos com o celular, flash: como e quando usar, tratamento e edição de imagens. Os alunos receberão uma apostila digital com o resumo dos assuntos tratados durante o workshop que tem a parceria da Baritur Viagens.
  
Professores certificados pela maior associação de fotografia do mundo
 
Com longa experiência profissional, os fotógrafos  Jaiel Prado e Simone Silvério,  são os únicos brasileiros certificados pela Professional Photographers of America (PPA). Fundada há mais de 140 anos, é a maior associação de fotografia do mundo, com mais de 27 mil fotógrafos profissionais espalhados em 50 países, desses, menos de dois mil fotógrafos conseguiram obter a concorrida certificação.
Jaiel Prado  é formado pela Escola Pananericana de Artes e Design, certificado pela  My Beauty Campaign (EUA) e autor de cursos on-line na EduK.
Simone Silvério  é presidente da Associação Brasileira de Fotógrafos de Recém-Nascidos, membro da NAPCP - National Association of Professional Child Photographers (EUA) e autora de cursos on-line na EduK. Recebeu da mídia o apelido carinhoso de Anne Geddes brasileira.
 
 
Serviço:
 Workshop: Fotografia de Viagem para Turistas com os fotógrafos Jaiel Prado e Simone Silvério
 Data: 12 de setembro
 Horário:9h às 18h
 15 vagas
 
Local: Studio Trend Fotografia - Av. Sagitário, 138 - sala 1908 - torre London -
Alphaville - Barueri - SP 
 
Investimento:  R$ 500,00
 
Informações e reservas:   contato@studiotrend.com.br (Ana Paula)   (11) 4195-5110
 
                                          barbara@baritur.com.br (Bárbara) (11) 4193-3863 / 4191-1973
 

 

 
publicado por o editor às 13:25
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 10 de Julho de 2015

Inscrições abertas para o Workshop Fotografia de recém-nascidos com Simone Silvério

 

 

Inscrições abertas para o Workshop Fotografia de recém-nascidos com Simone Silvério
Técnica muito difundida no exterior e agora no Brasil, a arte de fotografar bebês nos primeiros dias de vida virou mania nacional



 Uma das maiores especialistas brasileira em fotos de recém-nascidos, a fotógrafa Simone Silvério, realiza o Workshop Fotografia de recém-nascidos, no dia 18 de julho, sábado, das 9h às 18h, em Ipanema, Rio de Janeiro.  O encontro tem duração de 9 horas e vagas limitadas. 

A arte de fotografar newborn é complexa, pois lida com seres que acabaram de nascer. Cuidados fisiológicos ao posicionar o bebê são primordiais, assim como técnica para acalmar, luz adequada, figurinos e acessórios, tratamento da imagem e marketing.  No encontro, dois bebês serão fotografados.

Sobre Simone Silvério:

Uma das primeiras a introduzir a técnica newborn no Brasil, Simone Silvério tem uma carreira internacional e aprendeu com as maiores mestres no assunto: Kelley Ryden e Tracy Raven (EUA), Amber Shereen (Canadá), Laura Brett (EUA). A fotógrafa é membro da National Association of Professional Child Photographers (EUA) e   presidente da Associação Brasileira de Fotógrafos de Recém-Nascidos. Recebeu, recentemente, um dos mais importantes certificados internacionais pela PPA - Professional Photographers of America. 

 Serviço:

Workshop de Fotografia de recém-nascidos com Simone Silvério 

Data:18 de julho, das 9h às 18h  

Local: Estúdio Flávia Barreto – Ipanema- Rio de Janeiro - RJ
Vagas: 12 participantes
Informações: contato@simonesilverio.com.br   Fone:  11-4195-5110.

http://www.simonesilverio.com.br

 

 
publicado por o editor às 13:41
link do post | comentar | favorito
Sábado, 13 de Junho de 2015

Curso gratuito ministrado por especialista brasileira ensina Pós-produção para fotografia de recém-nascidos

 

 

Existe neste mundo coisa mais fofa que um bebê? Simone Silvério  especialista em registrar esses pequenos em seus primeiros dias de vida  ministra o curso Pós-produção para fotografia de recém-nascidos,   na plataforma de ensino a distância “eduK”.   Com duração de nove horas, o curso acontece ao vivo nos dias 15, 16 e 17 de junho, das 14h às 17h, com reprise das 19h às 22h.

O curso  ensinará  todo o processo,  desde a captura, a edição, escolha das imagens, o tratamento, até a  entrega final.  “Iremos ver como  tratar a pele do bebê, remover manchas, as bolinhas, os pés vermelhos, enfim, todas as questões envolvidas com o tratamento da foto. Além de  ensinar a fazer com segurança as poses que requerem montagem”, explica Simone Silvério.

 

Sobre  Simone Silvério:

Membro da National Association of Professional Child Photographers (EUA), e   presidente da Associação Brasileira de Fotógrafos de Recém-Nascidos. Recebeu, recentemente, um dos mais importantes certificados internacionais pela PPA - Professional Photographers of America. 

 

Serviço:

Curso online: Pós-produção para fotografia de recém-nascidos com Simone Silvério

 

Datas: dias 15, 16 e 17 de junho 

Horário: das 14h às 17h (Ao vivo)   das 19h às 22h (Reprise )


Gratuito

Link para inscrição: http://www.eduk.com.br/ao-vivo/7-design-e-fotografia/3061-pos-producao-para-fotografia-de-recem-nascidos?trk=design+e+fotografia%3Fa%3Dsimone-silverio

Site da fotógrafa: http://www.simonesilverio.com.br/

 

publicado por o editor às 13:12
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 13 de Maio de 2015

Curso de negócios para fotografia de bebês, gratuito na net

 

 

Jaiel Prado, responsável por tornar o Studio Trend referência em fotos de recém-nascidos no Brasil, ministra curso ao vivo. Inscrições abertas.

 

 

Nos dias 18,19 e 20 de maio, o empresário e fotógrafo Jaiel Prado estará ao vivo, a partir das 14h, ministrando o Curso de Negócios para Fotografia de Bebês e Recém-Nascidos pelo site da eduk.

O autor vai trazer sua perspectiva empresarial desenvolvida em diversos anos como alto executivo da GE, aliada à sua experiência como fotógrafo. Com dicas de marketing pré e pós-sessão de fotos, ferramentas, formas de divulgação, construção de marca, posicionamento no mercado, além de caminhos para formalização.

“Para se dar bem como fotógrafo de bebês e recém-nascidos, é preciso muito mais do que uma boa fotografia: é necessário entender esta atividade como um negócio, conhecer o mercado e suas dinâmicas, além de saber das particularidades de clientes tão especiais”, comenta o fotógrafo Jaiel Prado.

Experiente na área, Jaiel Prado é responsável por implementar um dos maiores estúdios de fotografia de newborn do Brasil, o da fotógrafa Simone Silvério, do Studio Trend.

Sobre o palestrante:

Jaiel Prado:  Empresário e sócio no Studio Trend, Graduado na Escola Panamericana de Artes e Design e pela Escola Politécnica da USP, com MBA na FIA/USP, atuou como CEO dos negócios da GE Capital no Brasil e formação em Coaching pela Columbia University (NY). Recebeu, recentemente, um dos mais importantes certificados internacionais pela PPA - Professional Photographers of America.  A PPA atualmente reconhece menos de dois mil Fotógrafos Profissionais Certificados entre seus associados no mundo todo.

 Serviço

Curso ao vivo de:  Negócios para fotografia de bebês e recém-nascidos com Jaiel Prado

Datas: 18,19 e 20 de maio das 14 às 17h 

Reprise:  dias 18, 19 e 20 de maio das 19 às 22h

Gratuito

Inscrições:  http://www.eduk.com.br/ao-vivo/7-design-e-fotografia/2857-negocios-para-fotografia-de-bebes-e-recem-nascidos?a=jaiel-prado

 

 

 

 

publicado por o editor às 13:49
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 5 de Janeiro de 2015

EXPOSIÇÃO NA FNAC TRAZ FOTOS DE OBRAS DE JOÃO TURIN

 

 

 

 
 
A obra do artista paranaense João Turin é o tema da exposição que o fotógrafo Maringas Maciel apresenta na Fnac Curitiba desta terça-feira (6/1) até 28 de fevereiro. Batizada como “João Turin – Vida, Obra, Arte”, a mostra traz as fotos que ilustram o livro sobre a vida e obra do escultor, escrito pelo crítico de arte José Roberto Teixeira Leite, recém-lançado.
 
Turin destacou-se no cenário artístico nacional e internacional como grande representante da escultura animalista. Tornou-se conhecido pelo seu traço muito particular, ganhando destaque acima de tudo pelas onças, tigres, leões, tapires, cobras, cães e outros animais, ferozes ou domésticos, que imortalizou no bronze. Estes personagems eram representados ora em repouso, ora em acirrados combates, sempre com agudo senso de observação, e assumindo evidentes conotações simbólicas.
 
 
EXPOSIÇÃO FOTOGRÁFICA - João Turin – Vida, Obra, Arte
 
FNAC CURITIBA – de 6 de janeiro a 28 de fevereiro de 2015
Entrada franca. A exposição pode ser visitada no mesmo horário do ParkShopping Barigui: diariamente, das 11h às 23h.
Endereço: Park Shopping Barigui - Rua Prof. Pedro Viriato Parigot de Souza, 600 –  www.agendafnac.com.br
 
 
Sobre o artista: Por José Roberto Teixeira Leite – autor do livro “João Turin – Vida, Obra, Arte”
 
Nascido em Porto de Cima, um lugarejo de Morretes, no litoral do Estado, filho de imigrantes italianos, João Turin descobriu a escultura menino ainda, de modo singular: recobria pernas, tronco e braços com argila, deixava-a secar e depois a removia, para brincar com os moldes do próprio corpo assim obtidos. Aos nove anos mudou-se com os pais para Curitiba, onde seria sucessivamente ferreiro, marceneiro e torneiro antes de descobrir a verdadeira vocação. Nos primos anos do Séc. XX, depois de ter sido seminarista e de freqüentar a Escola de Artes e Indústrias de Mariano de Lima, Turin era presença constante nas passeatas de intelectuais e operários que, inspiradas na utopia anarco-socialista de Giovanni Rossi na Colônia Cecília, de tempos em tempos sacudiam as ruas da pacata capital; mas essa experiência de agitador social na mocidade não teve desdobramentos futuros.
 
Em 1905, com bolsa de estudos do Governo do Paraná, João Turin parte para Bruxelas e se matricula na Real Academia de Belas Artes, onde já se encontra o amigo Zaco Paraná, passando a estudar com o mesmo professor deste, o famoso Pierre-Charles Van der Stappen, vulto proeminente dos grupos de vanguarda belgas Lês Vingt e Libre Esthétique. A opção de um e outro escultores por Bruxelas, destino pouco usual para artistas brasileiros, não foi casual: deveu-se aos engenheiros belgas que trabalhavam na ferrovia do Estado, como François Gheur e Alphonse Solheid, os quais viram, nos dois adolescentes, o estofo de futuros artistas. Depois de deixar a Real Academia, em 1909, Turin ainda permaneceu cerca de dois anos em Bruxelas, além de visitar a Itália, Holanda, Espanha e Portugal, até se transferir a Paris em fins de 1911. Na capital francesa, onde viveu os próximos dez anos, expôs algumas vezes no Salom des Artistes Français, tendo obtido, no ano de 1912, menção honrosa, com “Exílio”.
 
Mas eram tempos de guerra, e fora uma ou outra comissão – como a que se lhe apresentou em 1917, para executar um relevo em pedra destinado a uma igreja de Loireau, na Normandia – não havia clientes nem encomendas, muito menos para artistas estrangeiros. Não é de estranhar assim que pouco se saiba dos duros anos parisienses de Turin, durante os quais conheceu contudo Rodin, Modigliani, Isadora Duncan, Claude Debussy (de quem fez a efígie em baixo-relevo) e outras personalidades.
 
Em fins de 1922 o artista retorna ao Brasil e de novo se fixa em Curitiba. Deixara em Montparnasse, no ateliê da Rue Vercingentorix cedido a Brecheret, boa qualidade de obras, pois sua intenção, que nunca se concretizou, era voltar a Paris o mais breve possível. Integrado em definitivo ao discreto ambiente artístico-cultural da capital paranaense, João Turin doravante produzirá grande número de monumentos, estátuas, bustos, relevos e inclusive pinturas, cerâmicas e ilustrações, detacando-se entre os monumentos os dedicados a Gomes Carneiro (1927, Lapa), Rui Barbosa (1936, Praça Santos Andrade) e à República (1938, Praça Tiradentes), os dois últimos em Curitiba. Seria ainda um dos idealizadores em 1923, junto aos pintores João Ghelfi e Lange de Morretes, do chamado estilo paranista de ornamentação arquitetônica, baseado na estilização do pinheiro e de outros elementos da fauna e da flora paranaenses e concretizado em capitéis, ânforas, floreiras e outros objetos utilitários.
 
O que de melhor produziu não são os monumentos, bustos e retratos, convencionais por sua própria natureza, mas as numerosas representações de animais, boa parte delas conservada na Casa João Turin em Curitiba, nas quais, a despeito da fidelidade anatômica e das proporções corretas (o que nem sempre se observa quando trata a figura humana), não é tanto o animal em si que importa, mas sim o que simboliza, tanto que para representar o Marumbi, maciço da Serra do Mar localizado próximo à cidade natal, não encontrou forma melhor que a de dois tigres em furioso embate, magníficos de força, agilidade e beleza.

 

 
publicado por o editor às 18:06
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 17 de Dezembro de 2014

Roda de Fotógrafos lança livro no MON

 

 

 

 

Evento de lançamento da publicação vai acontecer na noite desta quinta-feira

 

A Roda de Fotógrafos, um movimento voltado para a troca de experiências entre pessoas que buscam aprimorar seus conhecimentos fotográficos, vai lançar sua primeira publicação nesta quinta-feira (18), às 19 horas, no Museu Oscar Niemeyer. O livro estará à venda no local.

 

Viabilizado de forma colaborativa, o livro reúne um recorte do portfolio de 30 fotógrafos que se apresentaram nos encontros do início de 2013 até agosto de 2014. Entre os profissionais, figuram nomes como Alexandre Mazzo, Leo Flores, Antônio Costa, Sergio Vanalli, Carlos Poly, Brunno Covello, Orlando Azevedo, Nilo Biazzetto, Nego Miranda, Henry Milleo, Melvin Quaresma, Ricardo Perini e muitos outros.

 

Com curadoria de Rosely Nakagawa, nesta reunião de imagens fica clara a capacidade de realização, experimentação e criação destes fotógrafos. "O que se destaca com grande importância é a recriação das relações do homem em seu contexto. Um patrimônio construído pela cultura, registrado pela fotografia, desenvolvido num caminho lapidado pela reflexão e dedicação deste grupo", afirma Rosely no texto de apresentação do livro.

 

"A publicação dá visibilidade à produção fotográfica paranaense, ao mesmo tempo em que mostra o poder de mobilização dos fotógrafos locais", diz Daniel Caron, idealizador dos encontros da Roda de Fotógrafos. Além do MON, a publicação será lançada em festivais de todo o País. Responsável pela organização do projeto, o fotógrafo Lucas Pontes explica que o livro apresenta um pouco da produção autoral de cada fotógrafo. "Agradeço a confiança e oportunidade dada pela comunidade fotográfica brasileira em tornar realidade este sonho", diz Pontes.

 

A Roda de Fotógrafos é aberta para todos os interessados em fotografia e tem como objetivo fortalecer a produção fotográfica na cidade de Curitiba e atrair apaixonados pela fotografia autoral, artística e documental. Os encontros acontecem na primeira quinta-feira do mês no Auditório Poti Lazarotto e reúnem de 150 a 300 pessoas por noite de evento.

 

Serviço:

"Roda de Fotógrafos"

136 páginas, 18x18cm

Edição bilíngue (português/inglês)

Quando: Dia 18 (quinta-feira), às 19 horas

Onde: Museu Oscar Niemeyer

Hall do Pátio das Esculturas

Rua Marechal Hermes, 999 - Centro Cívico, Curitiba

Telefone: (41) 3350-4400

Entrada gratuita

 

publicado por o editor às 20:20
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 3 de Dezembro de 2014

R I O por Roberto Rosa

 

 

 

R I O - Roberto Rosa


144 Páginas


Versal Editores





Será lançado no próximo dia 9 de dezembro, o livro de fotos ‘RIO’, do fotógrafo paulista Roberto Rosa. A obra apresenta 111 imagens do Rio de Janeiro, escolhidas em mais de dez mil cliques feitos ao longo de três anos.

Por meio de suas imagens, ‘RIO’ procura mostrar o olhar do fotógrafo Roberto Rosa, um paulista que trocou a pauliceia desvairada pela cidade maravilhosa e, até hoje, enxerga o Rio de Janeiro como alguém que acabou de chegar.

“A vivência das pessoas com o Rio é diferente do que se vê em qualquer outro lugar do Brasil ou do mundo. Ultimamente, tenho viajado muito para São Paulo, onde a gente só vê prédios e casas, não tem morros, não tem montanhas. O Rio é excepcional, pois, além de não ser uma cidade plana, é cercada por morros e montanhas recobertos pela exuberante Floresta da Tijuca. A liberdade do olhar que a cidade possibilita, com seus espaços vazios que nos permitem ver o horizonte, as águas e a floresta, me deixa extasiado”, explicou Rosa.


Para a criação do livro, o fotógrafo tentou se distanciar um pouco dos pontos turísticos, que já são famosos e conhecidos ao redor do mundo, sem deixar de retratá-los. “Os pontos turísticos estão lá, mas vistos por uma ótica diferente. Não dá para fugir deles, mas procurei enfatizar os mercados, as feiras, rodas de samba, comunidades, morros, esquinas. Fui guiado por músicas que me levaram a esses lugares e queria mostrar o cotidiano da cidade e as personagens que se fundem aos cenários escandalosamente belos e são emolduradas por eles”, detalhou o fotógrafo.

A curadoria e apresentação do livro ficaram por conta do antropólogo e também fotógrafo, Milton Guran. “Sua presença no projeto foi fundamental; criou um discurso visual em que nos apresenta a cidade desde o nascer do dia, atravessa as horas evoluindo pelas ruas, morros, parques, mares e lagos, até entrar no entardecer, se extasiar com o poente e culminar na noite fechada e na explosão vermelha dos fogos do Réveillon de 2011, em Copacabana”, detalha o fotógrafo paulista.

Em 2015, Rosa pretende transformar o livro em uma exposição que homenageará os 450 anos da cidade do Rio de Janeiro.

No dia 9 de dezembro, acontece o evento do lançamento oficial do livro em São Paulo, na Livraria Cultura do Conjunto Nacional


Serviço

Lançamento de ‘RIO’ em SP

Quando: 09/12/2014 - Horário: 18:00

Onde: Livraria Cultura - Conjunto Nacional

Avenida Paulista, 2073 - Conj. Nacional - Mezanino da Loja de Artes



Sobre Roberto Rosa

Roberto Rosa nasceu em São Paulo em 1952. Formou-se em Economia pelo Mackenzie, mas a arte sempre teve presença forte em sua vida. Desde cedo, o contato com o irmão, o artista plástico Gustavo Rosa, foi o que despertou em Roberto um fascínio pela arte e, especialmente, o interesse pela interação do homem com a imagem através dos tempos. Em meio aos discursos de liberdade que alardeavam os jovens da década de 1970, Roberto viajou pelo mundo até, finalmente, aportar no Rio de Janeiro, em 1977. Bombardeado pela diversidade de cores, imagens, pessoas e ambientes que, embora tão diferentes, se relacionavam entre si como em nenhum outro lugar do mundo, escolheu ali ficar.

Roberto Rosa já desenvolveu trabalhos para diversas agências e empresas como Petrobras, Unibanco, Coca-Cola e Oi, além do projeto Urbanus, em que registra o cotidiano de cidades espalhadas pelo mundo. Com trabalhos feitos em Roma, Veneza, Paris, Havana, Madri e Nova York, lança agora pela Editora Versal, Rio, em que aborda pela primeira vez, o cotidiano de uma cidade brasileira. O livro tem curadoria do antropólogo e fotógrafo Milton Guran. Em 2015, Rosa pretende fazer uma exposição com as imagens do livro e outros cliques que ficaram de fora da publicação.

 

 
publicado por o editor às 21:47
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 24 de Novembro de 2014

GALERIA DE BABEL COMEMORA 15 ANOS COM EXPOSIÇÃO E LANÇAMENTO DE LIVRO DE ARAQUÉM ALCÂNTARA

 

 

   
 

 

Com direito a sessão de autógrafos e visita guiada pela mostra, evento marca também a inauguração do novo espaço da galeria.



No próximo dia 29, sábado, a Galeria de Babel inaugura seu novo espaço com a exposição “Veredas”, individual do fotógrafo Araquém Alcântara. As 15 obras que compõem a mostra fazem parte do livro “Veredas” (editora TerraBrasil), que será lançado no mesmo dia, com tarde de autógrafos e visita guiada com o artista. A exposição fica em cartaz na galeria até 31 de janeiro.

As imagens capturadas pela lente certeira de Araquém foram registradas ao longo de 10 viagens, feitas nos últimos dois anos – a última delas, com 9.200 km percorridos, durou cerca de 20 dias. Para a produção dessas obras, o fotógrafo caminhou pelos recônditos mais escondidos do sertão, passando por lugares com nomes quase míticos, tais como Serra das Confusões, Buriti Cristalino, Catimbau, Brotas de Macaúbas e Vão de Almas. “Meu modelo de universo é Amazônia, Mata Atlântica e Sertão – tudo o que tem no Brasil. Escolho um caminho com o coração e sigo. Sou um andarilho”, explica Araquém.

As fotografias em preto e branco foram impressas em quadritone – um tom terroso, árido. “É o tom do sertão, o tom da magia, do arcaico, do atemporal”, conta o fotógrafo. “Eu quis retratar o sertão como o palco de uma grande tragédia, tal como fez Guimarães Rosa. Também quis ir atrás das belezas esquecidas, a fim de reparti-las”.

Com curadoria de Eder Chiodetto, as fotografias, dispostas numa narrativa quase musical de aprofundamento nesse universo, exibem a exuberância por trás da dureza do sertanejo e da simplicidade de suas habitações, da rusticidade do ofício e da fé, da monumentalidade da paisagem e do mistério da fauna e da flora local. “Elas falam sobre a vereda do sertão, mas também sobre a vereda da vida”, conta Araquém. “Eu sou um intérprete do Brasil. Não sei fazer outra coisa: só andar e fotografar”, finaliza.

15 Anos – A abertura da exposição e o lançamento do livro de Araquém Alcântara marcam também os 15 anos da Galeria de Babel e a inauguração de seu novo espaço, instalado na esquina da Alameda Lorena com a Rua Ministro Rocha Azevedo, na charmosa Vila Modernista, construída pelo arquiteto Flávio de Carvalho. Com adaptações feitas pelo arquiteto Stephan Steyer, a Babel se apresenta como um cubo branco que integra seu entorno de maneira harmônica, como uma galeria de vila. Os pisos originais, de cerâmica e de taco, foram mantidos, bem como a escada de madeira.

Fundada em 1999 por Jully Fernandes, a Galeria de Babel consolidou seu papel no cenário brasileiro de artes plásticas, sendo a primeira a trabalhar exclusivamente com fotografia. A convite da Magnum Photos de Nova York, na época dirigida por Mark Lubell, atualmente diretor do ICP – International Center of Photography, de 2009 a 2011, a galeria trabalhou em parceria na América Latina para venda de fine art prints e projetos culturais.

A Galeria de Babel participa de feiras de arte, como a SP-Arte, SP-Arte Brasília, SP Arte/Foto e P/ARTE. Entre seus artistas representados estão Araquém Alcântara, Steve McCurry, Elliott Erwitt, Ara Güler, Thomas Hoepker, Luiz González Palma, Zoe Zapot, Dimitri Lee e Paolo Ventura. Além de galeria, a Babel atua como agência e realiza inúmeras exposições em parcerias com museus, galerias, institutos culturais, festivais, feiras de arte e grandes leilões, onde os artistas são promovidos em âmbito nacional e internacional, trabalhando ainda em projetos em parceria com os maiores nomes da arquitetura e decoração.

O artista - Nascido em Florianópolis, em 1951, estudou jornalismo na Universidade de Santos (SP). Começou a trabalhar como fotojornalista em São Paulo nos anos 70, colaborando com os jornais O Estado de São Paulo e Jornal da Tarde e com a revista Isto É, antes de passar a trabalhar de forma independente em meados dos anos 80.

Celebrado como um dos precursores da fotografia ecológica no país, Araquém Alcântara já realizou mais de meia centena de exposições individuais e lançou dezenas de livros. “Veredas” é seu 47o.

 

Exposição “Veredas”, de Araquém Alcântara, na Galeria de Babel

Abertura da exposição e lançamento do livro: sábado, 29 de novembro, das 12h às 20h

Visita guiada das 16h às 17h

Sessão de autógrafos das 17h às 20h

Visitação: de 29 de novembro de 2014 a 31 de janeiro de 2015

De terça a sexta, das 14h às 19h; sábados, das 11h às 17h

 

Vila Modernista (Alameda Lorena, 1257), Casa 2, Jardim Paulista – São Paulo

Telefone: (11) 3825.0507

 

“Veredas”

Autor: Araquém Alcântara

Curadoria: Eder Chiodetto

Editora: TerraBrasil

Gráfica: Ipsis

160 páginas

30,5 x 26,5 cm (fechado); 61 x 26,5 (aberto)

Preço: R$ 140,00

 

publicado por o editor às 15:35
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 3 de Outubro de 2014

Roda de Fotógrafos lança livro

 

 

 

Publicação de grupo que se encontra mensalmente em Curitiba será realizada de forma colaborativa

 

 

A Roda de Fotógrafos, um grupo voltado para a troca de experiências entre pessoas que buscam aprimorar seus conhecimentos fotográficos de forma coletiva, vai lançar sua primeira publicação de forma colaborativa. O livro bilíngue de 19x19cm com 120 páginas, terá fotos de 26 fotógrafos que se apresentaram nos encontros até agosto de 2014.

 

Entre os fotógrafos que estão no livro figuram nomes como Alexandre Mazzo, Leo Flores, Antônio Costa, Lucas Pontes, Leandro Taques, Osvaldo Santos Lima, Brunno Covello, Orlando Azevedo, Nilo Biazzetto, Nego Miranda e muitos outros.

 

Os encontros da Roda de Fotógrafos são gratuitos e acontecem regularmente desde o início de 2013, atraindo um público cada vez maior de interessados. Em suas últimas edições, realizadas no Museu Oscar Niemayer, mais de 300 pessoas estiveram presentes.

 

 Roda é aberta para todos os interessados em fotografia e tem como objetivo fortalecer a produção fotográfica na cidade de Curitiba e atrair apaixonados pela fotografia autoral, artística e documental. Em seus últimos encontros contou com a apresentação de importantes nomes da fotografia parananense e nacional como Nego Miranda, Nilo Biazzetto, Osvaldo Lima, Orlando Azevedo, entres outros.

 

 

publicado por o editor às 16:39
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 2 de Setembro de 2014

9/9 PRÊMIO BRASIL FOTOGRAFIA LANÇA EDITAL

 

 

Ministério da Cultura e Porto Seguro Cia de Seguros Gerais apresentam o
Prêmio Brasil Fotografia 2014
O Lançamento do Edital do Regulamento acontece no dia 9 de setembro,
 às 20h, na Al. Barão de Piracicaba, 601 – Campos Elíseos.
A Comissão de Premiação 2014 é composta por Geórgia Quintas, fotógrafa;
Cildo Oliveira artista visual; Leonor Amarante curadora e jornalista
Simonetta Persichetti, pesquisadora e professora, Walter Firmo, fotógrafo.  
As inscrições podem ser feitas de 10 de setembro a 19 de outubro.
Exposição com os trabalhos premiados abre em 15 de janeiro de 2015.
A foto que ilustra o convite é de Boris Kossoy, indicado ao  Prêmio Brasil Fotografia Especial em 2013
Prêmio Brasil Fotografia é destinado a fotógrafos brasileiros ou estrangeiros residentes no Brasil.
A ação curatorial propõe a apresentação de ensaios, séries fotográficas e projetos que elaborem uma reflexão na qual a fotografia, independentemente de temas pré-estabelecidos, mostre a diversidade de abordagens possíveis, como um espelho da história social e estética do olhar hoje.
O Lançamento do Edital do Regulamento acontece no dia 9 de setembro,  às 20h, na Al. Barão de Piracicaba, 601 – Campos Elíseos. Aberto aos interessados, para participar é necessário mandar um e-mail para atendimento@premiobrasilfotografia.com.br. A sala comporta 200 pessoas.
As inscrições para concorrer ao Prêmio são on line, e a entrega das fotos podem ser feitas via postal ou pessoalmente, de segunda a sexta- feira, das 10h às 17h, no período de 10 de setembro a 19 de outubro; com plantão de sábado e domingo nos dias 18 e 19 de Outubro de 2014, das 9h às 13h.
A Comissão de Premiação 2014 é composta por Geórgia Quintas, fotógrafa; Cildo Oliveira artista visual; Leonor Amarante curadora e jornalista;  Simonetta Persichetti, pesquisadora e professora; Walter Firmo, fotógrafo.  
Categorias:
Prêmio Brasil Fotografia Ensaios: Impressos e Multimídia
Prêmio Brasil Fotografia Bolsa para desenvolvimento de projeto
Prêmio Brasil Fotografia Especial – Aquisição: Um Colégio Eleitoral indicará fotógrafos que tenham ensaios relevantes em seu percurso criativo.
Prêmio Brasil Fotografia Revelação – Aquisição: Destinado a um fotógrafo inédito no circuito institucionalizado de arte.
Mais Informações e inscrições através do site www.premiobrasilfotografia.com.br que estará no ar com o regulamento completo da  edição 2014 a partir do dia 10 de setembro.   Os prêmios variam entre R$ 15.000 e R$ 50.000 reais.
A Exposição com os trabalhos premiados abre em 15 de janeiro de 2015, no Espaço Cultural Porto Seguro.

 

publicado por o editor às 21:31
link do post | comentar | favorito

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

.FALE COM A GENTE


.subscrever feeds