Terça-feira, 29 de Janeiro de 2013

Centenas de gravuras de William Blake encontradas em biblioteca inglesa

 


Uma equipe de investigadores coordenada pelo historiador de arte Colin Todd descobriu, na biblioteca John Rylands da Universidade de Manchester, um vasto conjunto de 350 placas gravadas pelo poeta e pintor William Blake (1757-1827).
Leia mais

publicado por o editor às 13:49
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 8 de Junho de 2012

midianews - Para o analista Eric Jackson, o Facebook só dura até 2020

 


“Em cinco ou oito anos, o Facebook irá desaparecer da maneira que o Yahoo desapareceu”, disse o analista de mercado e investidor da Ironfire Capital, Eric Jackson, para o programa ‘Squawk on the Street’, da americana CNBC. A afirmação foi relacionada a perguntas sobre o crescimento da rede social, que desde o mês passada tem ações negociadas na Nasdaq, bolsa de valores eletrônica de Nova York.

O analista acredita que a empresa de Mark Zuckerberg terá o mesmo fim que a de Jerry Yang, que perdeu cerca de 90% de seu valor durante a última década. “A empresa fundada por Jerry Yang ainda tem 13 mil funcionários, mas hoje possui valor de mercado de apenas 10% em relação ao início dos anos 2000”, afirmou Jackson durante o programa.

Para o analista Eric Jackson, o Facebook só dura até 2020

Para ele, a rede social é um enorme site que está na internet e não nas empresas de produtos móveis (mercado que está em crescente movimento). De acordo com o profissional, o Facebook pode continuar comprando empresas e investido no desenvolvimento de aplicativos, mas será, segundo avalia, apenas mais um site.


“O mundo está mudando mais rápido, se tornando mais competitivo. Eu acho que aqueles que foram dominantes em uma geração anterior terão dificuldades para migrar para um novo tempo. O Facebook pode comprar um monte de empresas novas, mas eles ainda serão um web site, grande e gordo, o que é diferente de um aplicativo móvel”,  argumentou o analista.

Outro ponto que Jackson ressalta é a desvalorização da rede social no mercado de ações. Apesar disso, diferente do Google, o Facebook ainda não possui modelos de negócios para seus apps. Esse seria um dos motivos para a queda do preço das ações da empresa, colocadas à venda por 38 dólares e que fechou em baixa, nesta segunda-feira, 4, com US$ 26,90 (aproximadamente R$ 55).

Priscila Fonseca via Comunique-se

tags:
publicado por o editor às 02:59
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 30 de Maio de 2012

No Twitter, internautas reclamam do UFC “ao vivo” da Globo ser gravado

 


Junior Cigano, que venceu e manteve o cinturão de sua categoria no UFC, não teve espaço na programação ao vivo da Globo




Durante a semana passada, a Rede Globo anunciou que transmitiria a luta do brasileiro Junior Cigano contra o americano Frank Mir de modo “ao vivo” na noite do último sábado, 26. A emissora, no entanto, exibiu o confronto, válido pela defesa do cinturão dos pesos pesados do UFC, depois de mais de 35 minutos de atraso. O combate foi ao ar gravado e provocou a revolta de internautas.

Usuários do Twitter criaram a hashtag #GloboFail e a colocaram no ranking dos mais comentados da rede social. Internautas ironizaram a emissora e afirmaram que até os dois atletas tiveram tempo de assistir a transmissão da Globo depois que a luta já tinha terminado. Teve gente que brincou, ao comentar que Cigano teve duas vitórias na mesma noite – a ao vivo e a gravada – e que se vencesse mais uma teria o direito de pedir música no ‘Fantástico’.

Apresentador da Band, o jornalista Milton Neves participou da campanha de reclamações contra a Rede Globo. Ele ainda relacionou o erro da emissora com o duelo paulista que vale vaga na Taça Libertadores da América. “O Santos já ganhou do Corinthians na Libertadores! A Globo vai mostrar a reprise daqui um mês”, brincou o cronista esportivo que é torcedor declarado da equipe santista.

Sobre o motivo de exibir o UFC depois da luta acontecer, apesar de ter anunciado que seria ao vivo, a Globo não se manifestou. No momento do embate de artes marciais mistas, a emissora levava ao público o filme ‘A Casa das Coelhinhas’. Mantido pela mesma organização, o canal Combate, da TV por assinatura, transmitiu a luta na íntegra e ao vivo.

publicado por o editor às 01:40
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 20 de Abril de 2012

Portal IG é vendido para grupo português

 




O Portal IG foi vendido para o grupo Ongoing, dono de um jornal de economia e de um canal de informação em Portugal. A confirmação do negócio foi divulgada pelo próprio site na tarde desta quarta-feira, 18. O acordo foi assinado entre a Oi, que até então controlava o portal de notícias, e a holding da empresa portuguesa no Brasil.

De acordo com a nota lançada, o grupo de Portugal comprou as áreas de conteúdo e de publicidade do IG. Além de ter a Portugal Telecom como uma de suas acionistas, a Ongoing possui, entre outros empreendimentos, ações minoritárias na Ejesa, empresa que é responsável pelos jornais O Dia, o Brasil Econômico, Marca Brasil e Meia Hora.

Recentemente, o IG perdeu a quarta colocação no ranking dos portais brasileiros para o R7, da Rede Record, segundo dados do Ibope/Nielsen.

Segue o comunicado oficial sobre a venda do IG:

A Ongoing, por meio de sua holding brasileira, informa que assinou hoje um acordo para a compra do portal iG. Com isso, a Ongoing pretende alavancar ainda mais a história de sucesso do portal, um dos maiores do Brasil.

Um dos principais acionistas da Portugal Telecom, a Ongoing é dona do maior jornal de economia e de um canal de informação econômica em Portugal. No Brasil, a empresa é acionista minoritária do grupo Ejesa, que edita os jornais Brasil Econômico, O Dia, Marca e Meia Hora.

publicado por o editor às 00:27
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 3 de Abril de 2012

Livros digitais ainda são desconhecidos pela maioria dos brasileiros

 



A leitura de livros digitais, também conhecidos como e-books, ainda é pouco disseminada no país. Dados da pesquisa Retratos da Leitura no Brasil, divulgada hoje (28) pelo Instituto Pró-Livro mostram que 70% dos entrevistados nunca ouviram falar dos livros eletrônicos que podem ser lidos em equipamentos como tablets (computadores de prancheta) e e-readers (livros digitais).

Dos 30% que já ouviram falar em e-books, 82% nunca leram um livro eletrônico. De acordo com o levantamento, as pessoas que têm acesso aos livros digitais ou leram pelo computador (17%) ou pelo celular (1%). A maioria dos leitores (87%) baixou o livro gratuitamente pela internet, e desses, 38% piratearam os livros digitais. Apenas 13% das pessoas pagaram pelo download.

Os leitores aprovam o formato eletrônico dos livros digitais, segundo a pesquisa. A maior parte dos entrevistados lê de dois a cinco livros por ano. No entanto, mesmo que muitos sejam adeptos dos livros digitais, a maioria dos leitores acha difícil a extinção do livro de papel.

Os livros digitais são mais populares entre o público de 18 a 24 anos. A maioria dos leitores de e-books pertence à classe A e tem nível superior completo. De acordo com a pesquisa, 52% dos leitores são mulheres e 48% homens.

O levantamento avaliou que a leitura de livros digitais no Brasil é considerada uma tendência. Nos Estados Unidos, a venda de e-books supera a de livros impressos. De acordo com a Associação Americana de Editores, as vendas dos livros digitais cresceram 117,3%, em 2011. Ainda segundo a associação, o mercado cresceu mais de 100% em três anos.

Fonte - Agência Brasil

publicado por o editor às 15:54
link do post | comentar | favorito
Domingo, 18 de Março de 2012

MIDIANEWS - xerox vs. livro

 

Nova lei pode liberar xerox de livro inteiro


Uma possível mudança na lei de direitos autorais, em análise na Casa Civil, vai facilitar a vida dos estudantes que sofrem para pagar o preço exigido pelos livros e apelam até para o scanner na hora de copiar textos. Caso o projeto seja aprovado no Congresso, o xerox de uma obra inteira, que é proibido hoje, será liberado para uso não comercial.Leia mais


Não há texto que libera xerox integral, diz ABDR

Segundo o advogado da Associação Brasileira de Direitos Reprográficos (ABDR), Dalizio Barros, ainda não há motivo para pânico por parte das editoras, que temem o crescimento exponencial das cópias em detrimento da venda de livros. Barros explica que o texto que altera a lei, elaborado pelo MinC e hoje na Casa Civil, por ora não é conhecido.
Leia mais

publicado por o editor às 18:08
link do post | comentar | favorito
Sábado, 11 de Fevereiro de 2012

Prova ABC: Só 42% em matemática e 56,1% em leitura alcançam índice

 

Prova ABC: Só 42% em matemática e 56,1% em leitura alcançam índice


Apenas 42,8% dos alunos que concluem o 3.º ano do ensino fundamental têm as habilidades em matemática esperadas para a série, segundo pesquisa divulgada nesta terça-feira, 7, pelo Movimento Todos Pela Educação. O nível dos estudantes foi medido pela Prova ABC, aplicada em 250 escolas de todo o País em 2011, avaliando o desempenho em escrita, leitura e matemática.

Para a escrita, 53,3% dos alunos tiveram desempenho considerado satisfatório, com base nas escalas do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb), metodologia do Ministério da Educação. Em relação à leitura, o índice de estudantes com as habilidades esperadas ficou em 56,1%. A Região Norte obteve o pior resultado em matemática, apenas 28,3% dos estudantes tiveram o resultado esperado para a série. O Sul conseguiu o melhor resultado na disciplina, com 55,7% dos alunos apresentando bom desempenho.

Em relação à redação, o Nordeste teve o desempenho mais baixo: só 30,3% dos estudantes apresentaram domínio da escrita de acordo com a série que cursavam. A Região também teve o menor percentual de alunos (42,5%) com habilidade de leitura satisfatória. O Sudeste é a Região com o melhor resultado para a prova de escrita (65,6%).

Na rede particular de ensino, o porcentual de alunos com bom resultado em matemática foi 74,3%, mais do dobro do verificado na rede pública, 32,6%. Na prova de redação, 80,7% dos estudantes do ensino privado tiveram desempenho satisfatório, contra o percentual de 44,3% verificado entre alunos das escolas públicas. Proporção semelhante foi apresentada na avaliação de leitura, em que 79% dos alunos da rede particular se saíram bem e apenas 48,6% dos estudantes do ensino público tiveram bom resultado. Um dos fatores apontados pela pesquisa para a diferença entre os alunos do ensino privado e o público é o acesso à educação pré-escolar. “Uma explicação para esse resultado é que a maior aprendizagem na rede privada está relacionada ao fato de seus alunos terem melhores condições sociais e econômicas e de terem cursado a pré-escola. Tais condições ajudam a explicar, mas não deveriam justificar tal diferença entre as redes”, ressalta o estudo.

 

do O Estado de S. Paulo - 07/02/2012

tags: ,
publicado por o editor às 20:05
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 23 de Novembro de 2011

MIDIANEWS - Após demitir 40 jornalistas, Folha publica matérias de freelancers


 

Com 10% menos de funcionários em sua equipe, a Folha de São Paulo e a Folha.com têm veiculado desde segunda-feira (14) grande volume de matérias assinadas por freelancers.

No momento em que este texto era fechado, a Folha.com, por exemplo, contava com aproximadamente 23 matérias assinadas por escritores autônomos, sendo uma do dia 14 e outra do dia 15; 11 textos no dia 16 e dez nesta quinta-feira (17). Entre o dia 1° e o dia 13 de novembro, não havia nenhuma matéria assinada por colaboradores publicada no site.



A maioria dos conteúdos se concentrava nas editorias de 'Cotidiano' e 'Ilustrada', as mais atingidas pelas dispensas da última sexta-feira (11).

Prêmio Esso
Em meio às demissões, três jornalistas da sucursal da Folha de São Paulo em Brasília - Andreza Matais, José Ernesto Credendio e Catia Seabra – permaneceram na empresa e foram premiados com o “Prêmio Esso de Jornalismo 2011” pela produção da reportagem “O patrimônio e as consultorias que derrubaram Pallocci”, publicada pelo jornal.

do Cimunique-se - Silvana Chaves

publicado por o editor às 13:54
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 16 de Novembro de 2011

MIDIANEWS - Biblioteca Nacional agora tem blog!

 

A BN lança mais um canal na internet. O Blog da Biblioteca Nacional, a partir de hoje, publicará entrevistas, cobertura de eventos, galeria de imagens e tudo sobre a agenda cultural da Biblioteca. Fique por dentro! www.bn.br/blog

publicado por o editor às 15:33
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 9 de Novembro de 2011

MIDIANEWS - Após morte de cinegrafista, polícia deve criar regras para a atuação da imprensa, diz especialista

 

A morte do cinegrafista da TV Bandeirantes do Rio, Gelson Domingos da Silva, 46, morto no último domingo (6) em uma operação do Bope contra traficantes no Rio de Janeiro, pode ser um ponto de partida para a criação de regras claras na cobertura de operações de risco, avalia o especialista em segurança pública e privada e pesquisador criminal, Jorge Lordello.

“A partir de um caso triste como esse, a polícia deve criar um protocolo para as ações da imprensa”, afirma. Para ele, houve falta de cautela das duas partes e falha no relacionamento entre a polícia e os jornalistas, sem o alerta para o risco da cobertura.

“Em operações como essas, o jornalista entra depois que o local já foi invadido, não no momento da invasão, atrás da polícia, na troca de tiros. É um risco incontrolável”.

De acordo com o repórter da TV Record, Dennes Queiroz, que acompanhava a operação, em nenhum momento a polícia alertou os jornalistas a permanecerem afastados ou aguardarem até o final do momento mais forte do conflito. Apesar disso, Queiroz disse que, após o cinegrafista ter sido baleado, a polícia fez todo o possível para socorrer o profissional.

Segundo o G1, antes de ser atingido, o cinegrafista informou aos policiais que o grupo havia sido visto pelos traficantes.

O repórter cinematográfico participava da cobertura da invasão da favela Antares, em Santa Cruz, bairro na zona oeste da capital fluminense. A operação contra o tráfico de drogas contou com a presença de mais de 80 membros do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) e do BPChoque (Batalhão de Choque).

publicado por o editor às 14:21
link do post | comentar | favorito

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

.FALE COM A GENTE


.subscrever feeds