Sexta-feira, 28 de Março de 2014

Galeria Marília Razuk convida para coquetel de abertura das exposições de Débora Bolsoni e Maria Laet, amanhã

 

clique para ampliar

 

publicado por o editor às 23:15
link do post | comentar | favorito

DJ Babey Drew participa de shows do Jota Quest

 

publicado por o editor às 23:14
link do post | comentar | favorito

Top DJ alemão Sven Väth se apresenta em São Paulo neste sábado (29)

 

 Sven Väth no Clash Club dia 29 de março

O Clash Club tem a honra de receber uma das maiores lendas da música eletrônica, Sven Väth, dia 29 de março (sábado). A apresentação, que promete ser histórica, faz parte do calendário de comemorações que o clube preparou para celebrar seus 07 anos de existência.

Com mais de 30 anos de carreira, o Top DJ alemão, considerado por muitos como um gênio, é com todo mérito, apontado como o 'rei do techno'. Referência básica para a grande maioria dos DJs ao redor do mundo, Sven Väth é um dos pioneiros na arte dos toca discos e um grande defensor do vinil, usando com rara destreza apenas dois decks e um mixer. Seus sets, longos e intensos, são uma de suas marcas registradas e é justamente isso que o público paulistano poderá conferir de perto.

Serviço
Festa: Circuito apresenta Sven Väth - All Night Long
DJs: Sven Väth e Eli Iwasa
Local: Clash Club - Rua Barra Funda, 969 - Barra Funda - São Paulo/SP
Data: 29 de março (sábado)
Horário: 23h
Preço:
- PISTA
Lote Promocional:
Mulheres • R$ 30,00 (entrada) >> ESGOTADO
Homens • R$ 60,00 (entrada) >> ESGOTADO
Primeiro Lote:
Mulheres • R$ 40,00 (entrada)
Homens • R$ 80,00 (entrada)
Segundo Lote:
Mulheres • R$ 50,00 (entrada)
Homens • R$ 100,00 (entrada)
Ingresso Antecipado Online: https://www.gticket.com.br/sis/grupoclash/lojanew/form_compra1.asp?tploja=s&eve_cod=32&usu_id=&pdvWeb=
- CAMAROTES
(valores 100% consumíveis):
Mesa Palco (1 e 2) para 10 pessoas: R$ 5.000,00
Mesa Palco/Lateral para 10 pessoas: R$ 4.000,00
Mesa Lateral (1 a 3) para 10 pessoas: R$ 3.500,00
Bistro Lateral (1 a 7) para 4 pessoas: R$ 1.500,00
Mesa Mezanino (1 e 2) para 10 pessoas: R$ 2.500,00
Bistro Mezanino (1 a 12) para 4 pessoas: R$ 1.200,00
Pulseira avulsa Lateral Masculina R$ 350,00
Pulseira avulsa Lateral Feminina R$ 120,00
Pulseira avulsa Mezanino Masculina R$ 250,00
Pulseira avulsa Mezanino Feminina R$ 100,00
Reservas de camarotes pelo e-mail: camarote@clashclub.com.br
Aceita os cartões: AE, D, E, M e V
Capacidade: 500 pessoas
Censura: 18 anos
Informações: http://www.clashclub.com.br/
Tel: (11) 3661-1500
Estacionamento: R$20

Sobre o Clash Club:
Localizado na Barra Funda em um antigo galpão da década de 30, o Clash Club foi inaugurado em março de 2007 e, ao longo dos anos, se firmou como uma das principais casas noturnas de São Paulo, com espaço para shows dos mais variados estilos de grandes artistas nacionais e internacionais. Já passaram pelo clube mais de 1.500 artistas, tocando para aproximadamente 1 milhão de pessoas nas festas e shows realizados. Recém reformado, o Clash ganhou ar de reinauguração, desde a remodelação da entrada e saída, do mezanino, novos sistema de ar condicionado, camarotes com banheiros exclusivos e outros bares internos.

 

publicado por o editor às 23:12
link do post | comentar | favorito

06/05 ADIADA EXPOSIÇÃO GUILHERME SECCHIN NA MONICA FILGUEIRAS

Mônica Filgueiras Galeria de Arte
convida para a abertura da exposição



PAISAGEM CONCRETA

de Guilherme Secchin



dia 06 de maio, a partir das 19h







“É na grande cidade que me encontro e me escuto.

Passeio nesse mar de sons e informações,

que quando viram pintura têm ritmo próprio,

noturno e concreto, resultam numa quase

música que exploro com tanto prazer.”

Guilherme Secchin





A Mônica Filgueiras Galeria de Arte convida para a abertura da exposição Paisagem Concreta, de Guilherme Secchin, no dia 10 de abril, com vernissage a partir das 19h.



Paisagem Concreta apresenta uma nova fase do artista, onde as cores e a natureza inspiradas pela cidade do Rio de Janeiro, onde mora, e pela mata da Serra Fluminense, onde também mantêm ateliê, dão lugar aos traços, linhas e planas pinceladas, que fazem emergir a paisagem urbana, mais identificada com as grandes metrópoles.



“Apesar de urbano desde sempre, há 2 anos tenho vindo com freqüência a São Paulo, e o impacto da cidade sobre a minha obra foi inevitável”, fala Secchin. Nesta nova fase, o colorido dá lugar ao preto, ao branco e aos vários tons de cinza que os separam.



Estarão expostos desenhos sobre papel e também acrílica sobre linho, todos inéditos. A cidade foi retratada em trabalhos geométricos, como padrões tribais, como um organismo vivo e frenético. “Desde que saí do interior para viver numa grande cidade, sinto toda a atração e repulsa que provocam”.










Nascido em 1959 em Cachoeiro do Itapemirim, no Espírito Santo, e radicado no Rio de Janeiro, desde 1982 o trabalho de Guilherme Secchin viaja para exposições no Estados Unidos, França, Itália, Alemanha, Moçambique, Colômbia e Equador. Suas obras fazem parte de coleções particulares e museus em todo o mundo. Sua última individual em São Paulo aconteceu há 15 anos, no Sesc Paulista.



Serviço:

PAISAGEM CONCRETA

de Guilherme Secchin

Abertura: dia 10 de abril, às 19h

Exposição: 6 de maio até 31 de maio 2014

Local: Mônica Filgueiras Galeria de Arte
Rua Bela Cintra, 1533 - Tel (11) 3082-5292

Horário: 2a a 6ª feira, das 10h às 19h
Sábado: das 10h às 14h30
publicado por o editor às 23:11
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 27 de Março de 2014

Coração, Inteligência, Coragem e Sorte

 



 


Coração, Inteligência, Coragem e Sorte

de     Anthony K. Tjan, Richard J. Harrington e Tsun-yan Hsieh

PÁGINAS:      272
FORMATO:      16x23 cm
 


      
Os 12 melhores livros de negócios em 2012


A revista eletrônica Fast Company fez uma seleção com os melhores títulos na área de negócios em 2012. Alguns dos livros elencados têm versão em português e também venderam muito por aqui. Confira

.   
O LIVRO</span></span>
O livro que vai redefinir o gênero ‘livro de negócios’. Vai ao fundo da alma do empreendedor com clareza e bom senso, o que torna este texto inspirador e uma leitura excelente.

Neste livro, três importantes líderes de negócios e consultores de CEOs – compartilham as qualidades necessárias para atingir metas de sucesso. Essas qualidades obrigatórias são: Coração, Inteligência, Coragem e Sorte.

Embora não exista um arquétipo único para o sucesso no empreendedorismo, este livro irá ajudá-lo a entender em que qualidades você deve “aumentar” ou “diminuir” o volume para realizar todo o seu potencial, e quando essas qualidades são mais úteis (ou prejudiciais) durante momentos críticos do ciclo de vida de uma empresa. Você não só saberá como construir um negócio melhor mais rápido, mas também como levar seu estilo natural de liderança para um nível superior.

Este livro inclui o primeiro E.A.T. (Entrepreneurial Aptitude Test) – Teste de Aptidão Empreendedora, uma ferramenta simples que ajuda a determinar seu perfil específico.

OS AUTORES



Anthony K. Tjan - é sócio administrador da Cue Ball, uma empresa de
capital de risco, além de sócio sênior e vice-presidente do conselho do The Paternon Group. Fundou o grupo pioneiro em consultoria para a Internet, o ZEFER.

Richard J. Harrington - é presidente do Conselho da Cue Ball. Começou sua carreira como proprietário
de uma pequena empresa; como CEO da Thomson Corporation, transformou a holding diversifi cada na
Thomson Reuters, a maior empresa do mundo de serviços de informação.

Tsun-yan Hsieh - é um guru de negócios largamente respeitado que, ao longo de 30 anos de carreira como diretor sênior na McKinsey & Company e presidente do conselho na LinHart, tornou-se um consultor de confiança de CEOs e conselhosde Administração em todas as Américas e na Ásia.
  

OPINANDO



  • “Invaluable advice and timeless wisdom written with clarity and practicality for any business leader.”
    dominic barton, Global Managing Director, McKinsey & Company
    “Reminds us all of the power of self–awareness for success in business and life.”
    deepak chopra, Author, Spiritual Solutions; Co–Founder of the Chopra Center for Wellbeing
    “Refreshingly human. Gets at the core of what it takes to build a successful entrepreneurial venture.”
    david lawee, Vice President of Corporate Development, Google

     Leia mais

    

It's Time for a "Slow Conversation" Movement



I could not be a bigger proponent of technology. My career has been built mostly around the Internet. My day job as a venture capitalist focuses on innovations in digital media and big data, and new models of business information and community connectivity. Personally, I am virtually “always on” — usually responding to emails if not instantly then within minutes, while in parallel scanning some document or talking a call. I have a Blackberry for production, and a Samsung Galaxy and an iPad for consumption.
But — and you knew there would be a “but” — as we begin 2013, I can’t help feeling that the proliferation of new communication channels and “smart” devices has only further fragmented and strained the flow of real conversations. It has obscured content that is worth consuming. As multi-tasking has morphed into multi-casting — that is, it is now often less about trying to do more at the same time than trying to tell more at the same time — it has all increasingly gotten in the way of what we are trying to optimize, which is connectivity. In fact, it is quite clear that in many instances it has diluted the quality and relevance of our conversations.
About a year ago, I wrote a post on the importance of getting back to real, authentic and live conversations. For relationship building and conflict resolution, emailing, social networking, and texting often just don’t cut it. Speedy, frequent, high-volume communication does not necessarily equate with thoughtful and effective communication. To put a finer point on it, quantity of conversation cannot substitute for quality of conversation. Which, leads me to three resolutions for 2013 that all swim against the mass-connectivity tide:
1. Focus on being present in the moment, not recording it. For many of us it has become an almost instinctual reaction to announce, capture, and share something special. It’s a 24/7 game of one-upmanship. A great meal is food-spotted/photographed, an arrival at an event is announced via Four Square or Twitter, a performance is recorded for YouTube. At a recent Coldplay concert, I witnessed several people fixated on the screens of their smartphones (recording the event) rather than experiencing what was live in front of them. There is a philosophical and psycho-behavioral debate over whether these digital “adds” enhance, detract, or are neutral to an experience. For more special occasions, I am quite sure that they are a net negative to personally appreciating the full experience and being respectful to those around you. At a recent wedding I attended, I asked a guest if she was going to take a moment to stop recording the moment to just live and be present in it. She was briefly taken aback, but then seemed to wonder if she was missing on the collective whole of the event. She was at risk of being, as MIT Professor Sherry Turkle puts it, “alone, together.”
2. Focus on creating a new moment worth commenting on, not commenting on someone else’s. We live in a world where everything is up for comment. But in any open forum or protocol, there is always the danger of veering towards under-appreciation, indifference, and even cynicism. Yes, it’s great that companies now have to face the public wrath of online critics whenever their products or customer service falls short. But many of these critiques are also screaming to be tempered with a modicum of self-moderation to avoid slipping into cynicism and verbal diarrhea. The real focus should be on either being more constructive in commentary, or even better, creating something interesting enough that people feel compelled to critique — good or bad. Yes, the web makes it inviting to comment, but it also makes it easier than ever to be a creator. Write a blog, lead or organize a webinar, produce an online teaching video or podcast — the stakes may feel higher because things are more open than ever for public scrutiny, but for creators with some humility and thick-enough skin, they are also as open as ever for mutual collaboration and positive interactivity.
3. Face real issues and real priorities with real conversations. I am all for more tele-presence and enhanced Skype capabilities, but nothing beats a face-to-face meeting for things that really matter. Digital communications can make us feel like we are acknowledging and working on the situation through email, text, or other electronic means, when so often a coffee, lunch, or live call is the answer. There is a new hierarchy in communication emerging from least to most personal — email, social-network messaging (e.g. Facebook or Twitter), text, handwritten note, phone/Skype conversation, and live in-person meeting. Of course, not all interactions require the richness afforded by a meeting, but a handwritten note, phone call, or coffee, will always carry greater fidelity, signal and weight than bits and bytes. Do a simple audit test of reviewing your past two weeks or month of email chains of discussion — how many of those would have been better done in person?
These resolutions may feel against the grain — maybe even anti-progress. But it’s important, along with embracing the positive, to recognize some of the negative ramifications that come with any innovation. The overall trend for 2013 will be the increasing proliferation of ways to connect digitally. But for all of us, on an individual level, it may be more important to think about how best we can and should be part of contributing more to meaning, experiences, and conversations in our world. We have people encouraging us to move from fast food to slow. Maybe 2013 year is the year to begin a slow conversation movement.


80-anthony-tjan

Anthony K. Tjan

Anthony Tjan is CEO, Managing Partner and Founder of the venture capital firm Cue Ball, vice chairman of the advisory firm Parthenon, and co-author of the New York Times bestseller Heart, Smarts, Guts, and Luck (HBR Press, 2012).






Um lançamento

publicado por o editor às 01:04
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 24 de Março de 2014

Produtora Tumpats Áudio completa 5 anos de atuação no mercado paranaense

 

 

Desde 2009, a produtora Tumpats Áudio trabalha na produção de spots de rádio, jingles publicitários e políticos, espera telefônica, trilha sonora, sound branding e conteúdo para rádios corporativas em todo o país.
Este ano, comemora cinco anos de atuação junto a agências de publicidade, produtoras de vídeo e eventos e empresas locais, tendo como objetivo levar o conceito de sound branding ao maior número de empresas possíveis para mostrar como a identidade sonora pode acrescentar valor à marca e aproximá-la do seu consumidor.
Este conceito abrange um trabalho amplo de pesquisa que envolve grande estudo da personalidade da marca e pode resultar em diversos pontos de contato entre marca e público-alvo. Segundo Gustavo Slomp, produtor da Tumpats Áudio, “nosso trabalho está focado em criar uma identidade sonora para nossos clientes pensando em conversar com o consumidor de maneira agradável e criativa, com excelente custo-benefício.”
A produtora possui estrutura completa para atender desde o simples spot até produções musicais mais complexas. Tem uma equipe diferenciada, formada por três publicitários - dois com formação musical, responsáveis por dar um toque artístico aos trabalhos, e uma redatora, que dá suporte na criação de textos e roteiros. Assim, consegue atender aos clientes de maneira completa e ter uma visão abrangente, unindo a arte da música à criatividade da publicidade com o objetivo de entregar um trabalho que gere bons resultados e que entretenha o público.
Dentre os prêmios conquistados estão: medalha de Bronze no “Prêmio Colunistas Paraná 2011” com a sonorização do vídeo “Direto ao Ponto” da Ensitec e o “Prêmio Super Sonorização” com a trilha do filme “Querida Tia Scheila” (Festival Curta 8 da Caixa Cultural).
São algumas empresas que já desenvolveram campanhas com a produtora: Neodent, Positivo, RIC, Livrarias Curitiba, Senai, Nutrimental e as agências Publitti, Candyshop (Revo Partners), Neoo Comunicação.

Serviço:
Tumpats Áudio
Data: 2ª a 6ª feira
Horário: 8h30 às 19h
Local: Rua Schiller, 1797 - Jardim Ambiental – Curitiba-PR
Telefone: (41) 3387-0002
E-mail: contato@tumpats.com.br  
Site: www.tumpats.com.br
Redes Sociais: Facebook, Twitter, Instagram, Vimeo
publicado por o editor às 18:37
link do post | comentar | favorito

...

 

Editora UFMG realiza mais uma edição da Feira Universitária do Livro

 

A Praça de Serviços do campus Pampulha vai abrigar nos dias 25, 26 e 27 de março a 6ª Feira Universitária do Livro, promovida pela Editora UFMG. O evento, sempre das 9h às 19h, reunirá 31 editoras de todo o país, que venderão títulos com descontos de até 50% do preço de capa.

Nesta edição, participam, além da Editora UFMG, Editora PUC Minas, Editora UFJF, Editora Fundação João Pinheiro, Autêntica, Fino Traço, Editora Unesp, Edusp, Editora Unicamp, Oficina de Textos, Senac, Martins Fontes, Editora Fiocruz, Editora da UFF, Editora da UFPR, Editora da Universidade Estadual de Ponta Grossa, Editora Instituto Piaget, Editora Scriptum, Editora Contraponto, Editora C/Arte, Centauro, Paz e Terra, Record, Editora Aleph, Ciranda Cultural, Ateliê Editorial, Expressão Popular, Ideias & Letras, Cosac Naify, Editora 34 e Cia. das Letras.

A Praça de Serviços da UFMG fica no campus Pampulha, na Av. Antônio Carlos, 6627. Mais informações: eventos@editora.ufmg.br.

 

publicado por o editor às 18:36
link do post | comentar | favorito

Programação semanal James de 26 a 29 de março

 

PROGRAMAÇÃO DA SEMANA
DE 26 A 29 DE MARÇO

QUARTA 26.mar: 22h
QUARTA ROCK 11 ANOS com OLD SCHOOL CREW
DJs residentes Ale Dantas, Claudinha Bukowski e Pablo Busetti.
DJs convidados Claudinho Yuge, Groo, Great, Leandro e Paula.
VENHAM POR NOSSA CONTA, sorteio promocional a partir das 14h,na fanpage da festa no Facebook.
DOUBLE DRINK de destilados nacionais até 1h.
R$ 15.

QUINTA 27.mar: 22h
TIED TO THE 90s
DJ residente Marcell Boareto.
DJs convidados Claudinho Yuge, Fernando Ribeiro e Lucas Dugonski.
ARREMESSO DE GIBIS da Itiban Comic Shop.
DISTRIBUIÇÃO DE COLETÂNEAS
em CD.
DOUBLE DRINK de destilados nacionais até 1h.
R$ 15.

SEXTA 28.mar: 22h
IN NEW MUSIC WE TRUST
DJ residente Denis Pedroso.
DJs convidados Sweet Grooves, BSTRD (RS), Joel Guglielmini e Edu Freneda.
COCKTAIL PARA 100 CONVIDADOS VIP sorteados via fanpage no Facebook.
R$ 20.

SÁBADO 29.mar: 22h
POPLINE
DJs residentes Denis Pedroso, Lu Padilha e Celso Ferreira.
DEGUSTAÇÃO DE DRINKS ao longo da noite.
R$ 22.

* Todas as infos e releases sobre nossa programação estão disponíveis em nosso sitewww.barjames.com.br.
*PROGRAMAÇÃO SUJEITA A ALTERAÇÃO SEM AVISO PRÉVIO.
Av. Vicente Machado, 894. Curitiba/PR. (41) 3222-1426. Formas de pagamento: Todos os cartões de débito e crédito Amex, Diners, Master, Visa e Visa

 

tags:
publicado por o editor às 18:34
link do post | comentar | favorito

Quarta Rock comemora 11 anos com os DJs fundadores nesta semana no James

 

 

A Quarta Rock é a noite mais tradicional do James. É a festa semanal que traduz um pouco da própria história da casa, que mudou bastante ao longo dos anos mas sempre manteve a fidelidade ao espírito roqueiro. E, nesta semana, a balada completa 11 anos com seus DJs fundadores: os residentes Ale Dantas, Claudinha Bukowski e Pablo Busetti recebem os convidados Claudinho Yuge, Groo, Great, Leandro e Paula.

Desde a criação do James, faltava uma noite pra todos os fãs do rock clássico, dos dançantes anos 80, da alternativa década de 90 ou mesmo dos renovados anos 2000. Nesse contexto nasceu a Quarta Rock, que, no começo, eram alguns “DJs” se alternando em uma mesinha entre tantas outras no então modesto bar.

Com o tempo, as mesinhas foram saindo de cena ao longo da noite pra dar lugar a uma pista improvisada. Os “DJs” começaram a se alternar e se profissionalizar, assim como a estrutura e a aparelhagem ganharam mais suporte para receber a comunidade cada vez mais ampla e assídua à “Quarta Rock”.

Desde então, a balada não parou de crescer e recebeu convidados de todas as partes do Brasil e até mesmo nomes internacionais. Nesta edição, as atrações são os DJs que ajudaram a delinear  sonoridade da noite e que também passaram anos se revezando nas picapes.

E a Quarta Rock de aniversário presenteia os clientes: tem sorteio de camisetas da loja Nonsense e de cervejas Heineken com entradas VIP na fanpage do Facebook, distribuição de ponche durante a noite e double drink de destilados nacionais até a 1h.

QUARTA ROCK 11 ANOS com OLD SCHOOL CREW - Festa semanal que homenageia os grandes momentos do rock comemora aniversário com os DJs fundadores. DJs residentes Ale Dantas, Claudinha Bukowski e Pablo Busetti. DJs convidados Claudinho Yuge, Groo, Great, Leandro e Paula. Fotos por Arthur Cordeiro. Nesta quarta-feira (26.03), a partir das 22h, com entradas a R$ 15. Apoio: Loja Nonsense.

 

tags: ,
publicado por o editor às 18:33
link do post | comentar | favorito

Abuso de fraqueza e outras manipulações de Marie-France Hirigoyen

 

Abuso de fraqueza e outras manipulações

de  Marie-France Hirigoyen

Título Original:     Abus de faiblesse et autres manipulations
Tradutor:     Clóvis Marques

Gênero:     Psicologia/ Psicanálise
Páginas:     224
Formato:     14 x 21 cm


COMO PERCEBER ONDE TERMINA UMA INFLUÊNCIA E ONDE SE INICIA UMA MANIPULAÇÃO? Com uma análise baseada em anos de pesquisa e experiência clínica, Maria-France Hirigoyen escreveu Abuso de fraqueza e outras manipulações, livro que, como os demais da autora, tornou-se referência no assunto. Hirigoyen desmonta, nessa obra, todos os mecanismos do abuso do indefeso e como se passa da influência à manipulação; tudo minuciosamente detalhado em uma linguagem acessível a todos. O livro ainda oferece uma visão ampla de todos os tipos de manipuladores, dos mais banais aos mais temíveis.  Este livro é ferramenta indispensável para se precaver de tais ações, mas também para que a sociedade compreenda como esse abuso ocorre. Entender não é somente o primeiro passo na direção de ser melhor, mas também o melhor meio de evitar que isso se repita.

A AUTORA
Marie-France Hirigoyen
é psiquiatra, psicanalista e vitimologista, além de professora de ética médica e de ética organizacional na Universidade Paris-Descartes. Pela Bertrand Brasil, publicou Assédio moral: a violência perversa no cotidiano, que foi traduzido para 24 línguas e vendeu meio milhão de exemplares em todo o mundo, Mal-estar no trabalho: redefinindo o assédio moral, e A violência no casal.

Entrevista Marie-France Hirigoyen 
A médica psiquiatra Marie-France Hirigoyen, especializada em assédio moral e psicológico, falou um pouco sobre o tema de sua palesta no 16º Congresso Nacional dos Magistrados da Justiça

 



CONHEÇA  TAMBÉM

MAL-ESTAR NO TRABALHO
Marie-France Hirigoyen
 

     
    Lançamento




 

publicado por o editor às 18:32
link do post | comentar | favorito

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

.subscrever feeds