Terça-feira, 3 de Junho de 2008

A Mulher de Pilatos




 

de Antoinette May

400 páginas

Com riqueza de detalhes e magistral ambientação histórica, A mulher de Pilatos transporta o leitor para o centro do conturbado Império Romano. Recorrendo à sua experiência como biógrafa para reconstituir a vida de Cláudia Prócula, Antoinette May cria uma emocionante história em que ficção e realidade se misturam com perfeição.

Acompanhando a trajetória de Cláudia, o livro apresenta o surpreendente ponto de vista feminino de uma sociedade particularmente machista, além de acompanhar os romances, os conflitos, as angústias e as transgressões das mulheres na época de Cristo.

Nascida com o dom da premonição, Cláudia era atormentada por visões de guerra e morte desde a infância. Apesar de não poder interferir no curso da história, ela faz de tudo para evitar um dos mais trágicos acontecimentos de todos os tempos: a crucificação de Jesus.

Ao saber da paixão de sua amiga Miriam de Magdala por um religioso radical chamado Jesus de Nazaré, Cláudia prevê um futuro terrível. Quando Jesus é preso, ela suplica ao marido Pôncio Pilatos que o inocente. Mas, cedendo à vontade do povo, Pilatos lava as mãos e o condena.

Mesmo casada, Cláudia se apaixona perdidamente pelo gladiador Holtan, mas continua lutando ao lado do marido para manter a ordem na sociedade romana, tomada pelo caos político e social.

Repleto de romance, religião, aventura e suspense, este livro apresenta a possível vida dessa misteriosa mulher que, apesar de aparecer uma única vez na Bíblia, está profundamente ligada à história do cristianismo.

***

Numa época marcada por agitação social, atrocidades políticas e conflitos religiosos, Cláudia Prócula lutava para encontrar a felicidade e sobreviver à tirania do Império Romano.

Dotada de dons premonitórios, ela teve uma vida marcada por tragédias. O destino a conduz a diferentes direções: do templo de Ísis à Vila dos Mistérios, do infame covil das serpentes aos braços de Pôncio Pilatos. Seu coração, porém, parece estar sempre em outro lugar.

Enquanto Pilatos se vê cada vez mais envolvido com a política – e com casos extraconjugais –, a solidão de Cláudia a aproxima do poderoso gladiador Holtan, com quem passa a viver um romance secreto.

Quando sua amiga Miriam de Magdala lhe conta sobre seu amor por Jesus, ela prevê revoluções, injustiças e assassinatos, e percebe que aquele é um momento decisivo.

Numa mistura bem dosada de ficção e realidade, A mulher de Pilatos narra a trajetória de uma personagem real que viveu na época de Cristo, convivendo com o imperador Tibério, o instável Calígula e a polêmica Maria Madalena, entre muitos outros.

Com um texto envolvente e uma trama bem amarrada, a jornalista Antoinette May recria a sociedade pré-cristã, revelando as lutas pelo poder, o culto aos deuses antigos, os abomináveis duelos de gladiadores e os costumes e tradições de um dos períodos mais importantes de nossa história.

Escrito com base em 14 anos de pesquisas, o livro apresenta o Império Romano sob um novo prisma, revelando as mais secretas armações por trás do jogo do poder e do jogo do amor.


um lançamento da

 

publicado por o editor às 13:40
link | comentar | favorito

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

.subscrever feeds