Terça-feira, 19 de Maio de 2015

Oficina sobre sistema da Lei Rouanet atrai produtores de todo o Paraná

 

 

 



Aproximadamente 300 pessoas de Curitiba e de diversas cidades do estado estão participando nesta segunda-feira (18) da oficina “Lei Rouanet – Gestão e Plataforma”, promovida pela Fundação Cultural de Curitiba e o Ministério da Cultura, no auditório do Instituto Federal do Paraná. Ministrada pela assessora regional do Pronac – Programa de Apoio à Cultura, Clara Cristina Zitkoski, a oficina tem o objetivo de apresentar o novo sistema para inserir, acompanhar e prestar contas dos projetos culturais da Lei Rouanet.
O encontro foi aberto pelo presidente da Fundação Cultural de Curitiba, Marcos Cordiolli, que destacou a importância do estabelecimento de uma rotina de cursos de formação para os produtores culturais. “O Sistema Municipal de Cultura aponta para uma formação cultural mais ampla. Estamos nos esforçando para qualificar o quadro próprio de gestores da Fundação Cultural e promover ações voltadas aos artistas, aos movimentos populares e à população que se envolve com cultura”, disse Cordiollli.

Para o presidente da FCC, o auditório lotado mostra que a cena cultural curitibana está se fortalecendo e por isso é necessário que o setor se mobilize para buscar novos aportes de recursos. “É preciso que as pessoas conheçam todos os mecanismos de apoio e incentivo”, afirmou. Além de artistas e produtores curitibanos, o evento atraiu representantes de todos os municípios da Região Metropolitana e de cidades como Irati, Ortigueira, Pontal do Paraná, Guarapuava, Ponta Grossa, Jacarezinho, Telêmaco Borba e ainda participantes de cidades de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul.
Conhecer melhor as possibilidades de obter recursos federais para a promoção da cultura em sua cidade foi o que motivou o gestor público de Santana do Livramento (RS), Floriano Araújo Rocha, a vir a Curitiba para acompanhar a oficina. "Vim a pedido do prefeito, pois o município carece de recursos próprios. Esperamos contar com a Lei Rouanet principalmente para os projetos da área de patrimônio cultural imaterial relacionado à cultura gaúcha”, afirmou.

Um grupo de professores da Universidade Estadual do Paraná (formada pela FAP e pela Embap – Escola de Música e Belas Artes) também estava entre os participantes com o propósito de conhecer o sistema e fazer uso da Lei Rouanet. “Queremos nos preparar para começar a utilizar melhor esses recursos”, disse o professor de música, Felipe de Almeida Ribeiro.

Oficina
– A maioria dos participantes da oficina ainda não conhece a última versão do Sistema de Apoio às Leis de Incentivo à Cultura (Salic) e coube à assessora regional do Pronac mostrar detalhadamente as suas funcionalidades. As mudanças em relação ao sistema anterior (Salic Web) deram maior agilidade ao processo e garantem menor tempo de resposta à ação do usuário. Todas as comprovações financeiras e físicas, solicitações de readequação, fiscalização e acompanhamento do projeto passaram a se dar de forma eletrônica.
O novo sistema também trouxe melhor navegabilidade. As novas funcionalidades de gerenciamento fizeram com que o antigo espaço do proponente se transformasse em um escritório virtual. Essa medida agora permite ao proponente fazer a gestão do projeto via sistema, dispensando controle paralelo e, em muitos casos, a contratação de consultoria para a execução do projeto. Ao MinC, permitirá acompanhar a execução em tempo real, com intervenção imediata, caso apareça alguma inconsistência, reduzindo com isso seu tempo de resposta. A nova versão do Salic foi desenvolvida pelo MinC em parceria com a Subsecretaria de Planejamento, Orçamento e Administração do Governo Federal.

 

tags: ,
publicado por o editor às 15:21
link | comentar | favorito

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

.subscrever feeds