Sexta-feira, 28 de Março de 2014

Orçamentos e Previsões - Guia Financial Times

 

 


 

Orçamentos e Previsões - Guia Financial Times

 

 de Nigel Wyatt


  
 Orçamentos e Previsões - Guia Financial Times

PÁGINAS:      224
FORMATO:      16x23 cm


          
Orçamentos e Previsões - Guia Financial Times
Como Executar, Gerenciar e Avaliar com Segurança e Precisão   


 
O guia Orçamentos e Previsões proporciona conhecimentos técnicos e específicos que você precisa para elaborar, gerenciar e avaliar orçamentos e previsões. Ele vai ajudá-lo a desenvolver suas habilidades financeiras, de maneira que os resultados
previstos contribuam para sua competência profissional e de sua organização.

Este é um livro prático a partir do qual gerentes em todos os níveis vão se beneficiar e aprender como evitar as armadilhas na elaboração de orçamentos e previsões. Um livro fundamental.

Direcionado a profissionais de todos os níveis, inclui conselhos que são instantaneamente aplicáveis, mesmo que você esteja assumindo a responsabilidade por um orçamento pela primeira vez. Indicado também
para você que quer saber mais sobre como as finanças funcionam.



O AUTOR
Nigel Wyatt - é um profissional que administra a sua própria consultoria de treinamento financeiro, a Magenta Financial Training, desde 1992. Ele trabalha com uma ampla gama de organizações, incluindo muitas companhias blue chips. Nos últimos anos, trabalhou de maneira extensiva internacionalmente, incluindo treinamentos na Índia, China, Omã, Arábia Saudita, Emirados Árabes Unidos, Tailândia e Malásia.
 

CONTEÚDO

Parte 1 Preparando os seus orçamentos 17
1. Para que serve o orçamento? ................................................................................. 19
Introdução ........................................................................................................................ 19
O papel dos orçamentos – por que nós os temos?....................................................20
1 Alcançar os objetivos da organização......................................................................22
2 Planejamento...............................................................................................................23
Produzindo um plano orçado: ilustração ..............................................................24
3 Monitoramento e controle........................................................................................24
4 Coordenação ...............................................................................................................26
5 Avaliar o desempenho ............................................................................................... 27
6 Melhorar o desempenho ...........................................................................................29
Benchmarking de desempenho ...............................................................................29
7 Motivar os administradores .....................................................................................30
8 Um contrato de gerenciamento ...............................................................................31
9 Comunicação.................................................................................................................31
10 Fornecer uma base para autorizar despesas e delegar responsabilidade.....32
11 Identificar recursos escassos ..................................................................................34
12 Alocar recursos .........................................................................................................34
Exemplo da utilização de uma fórmula ............................................................... 35
13 Demonstrar e proporcionar uma boa governança corporativa.......................36
Ligando orçamentos à estratégia e à política............................................................38
Você sabe qual é a estratégia da sua empresa? E você deveria saber? ...........39
Orçamentos para fins especiais....................................................................................39
Períodos de planejamento ............................................................................................39
2. O que é uma previsão e como ela difere do orçamento? ..................................41
Qual é a diferença entre um orçamento e uma previsão? ...................................... 41
Previsões como atualizações ao orçamento anual ............................................. 41
Previsões contínuas ...................................................................................................42
Benefícios de se prever “além da parede”..................................................................43
Previsões, projetos e contratos ....................................................................................47
Ferramentas e técnicas de previsão ............................................................................48
Previsão de vendas .........................................................................................................49
A técnica Delphi – elaborando previsões ..............................................................51
Previsão quantitativa usando Microsoft Excel..........................................................51
Previsão ingênua ........................................................................................................52
Exemplo: vendas reais Janeiro-Março .............................................................52
Médias móveis ............................................................................................................ 53
Exemplo: uma média móvel de três meses ..................................................... 53
Médias móveis ponderadas...................................................................................... 53
Exemplo: uma média móvel ponderada de três meses ................................. 53
Suavização exponencial ............................................................................................ 53
Exemplo: alfa = 0,3 ................................................................................................54
Análise de regressão ..................................................................................................54
Exemplo .................................................................................................................. 55
Ferramentas úteis do Excel ..........................................................................................56
Excel add-ins ...............................................................................................................56
Frequência e automação da previsão..........................................................................56
Medindo e melhorando a precisão da previsão ....................................................... 57
Exemplo: cálculo do EQM e do EPAM.............................................................59
Usando EQM e EPAM ..............................................................................................59
Previsão de demonstrações financeiras ..................................................................... 61
Previsão de vendas de novos produtos ...................................................................... 61
Outros fatores a serem considerados em previsões de vendas.............................. 61
Ciclo de vida do produto ..........................................................................................62
Ação da concorrência ................................................................................................62
Substitutos ...................................................................................................................62
Ambientes tecnológico, econômico e social em evolução – mudança permanente ...............................................................................................62
Escassez de oferta ......................................................................................................65
3. Habilidades de formação financeira essenciais para a elaboração de orçamentos............................................................................................................67
Mais barato nem sempre é melhor: custo e valor na elaboração de orçamentos.................................................................................................................. 67
Provisões, caixa e prática contábil e de orçamento.................................................68
Custos ...........................................................................................................................69
Exemplo 1 ...............................................................................................................69
Custos de capital: a diferença entre despesas de capital e despesas de receitas ..................................................................................................70
Exemplo 2................................................................................................................70
Receita............................................................................................................................71
Exemplo ...................................................................................................................71
Questão ................................................................................................................71
Resposta ..............................................................................................................71
Questão ................................................................................................................71
Resposta ..............................................................................................................71
Compreendendo os números da conta de lucros e perdas .................................... 72
Receita .......................................................................................................................... 72
Despesas ou custos .................................................................................................... 72
Exemplo ....................................................................................................................... 72
Análise da contabilidade de exercício ........................................................................ 73
1 Uma diferença de timing ....................................................................................... 73
2 Capital de giro ......................................................................................................... 73
3 Ativos fixos, despesas de capital e depreciação ............................................... 74
Exemplo: contabilizando para a depreciação e ativos fixos ........................ 74
4 Financiamento ........................................................................................................ 75
Métodos diretos e indiretos de se produzir demonstrações do fluxo de caixa ............................................................................................................................. 75
O balanço patrimonial ................................................................................................... 76
Modelo simples de demonstrações financeiras .................................................. 78
Ilustração simples das demonstrações financeiras ............................................ 78
O orçamento geral ..........................................................................................................84
Custos ................................................................................................................................85
Escolha de rubricas de custos .................................................................................85
Custos e estrutura de custo .....................................................................................85
Custos fixos e custos variáveis.................................................................................86
Exemplo: a padaria ...............................................................................................86
Análise de valor e engenharia de valor....................................................................... 87
Exemplo ..................................................................................................................89
Análise de valor em organizações “sem fins lucrativos” ...................................90
Custos relevantes para a elaboração de orçamentos .........................................90
Recuperação de custos indiretos: como os custos indiretos são recuperados de produtos e serviços ............................................................... 91
Custeio baseado em atividades (ABC) .......................................................................92
Exemplo ..................................................................................................................93
O modelo do ponto de equilíbrio .................................................................................94
Exemplo ..................................................................................................................94
Estrutura de custo ..........................................................................................................96
Exemplo ..................................................................................................................96
Planejamento de despesas de capital .......................................................................104
4. Como o orçamento deve ser elaborado? ...........................................................105
Introdução ...................................................................................................................... 105
Elaborando orçamentos .............................................................................................. 105
Abordagens de elaboração de orçamentos diferentes .....................................106
Orçamento incremental ..............................................................................................106
Erros no orçamento incremental ......................................................................... 107
Exemplo 1 ............................................................................................................. 107
Exemplo 2 .............................................................................................................108
Exemplo 3 .............................................................................................................108
Orçamento base zero ...................................................................................................108
Orçamento baseado em atividades ...........................................................................109
Exemplo: as vantagens de nos concentrarmos nas atividades em vez de nos custos ...........................................................................................110
Orçamentos devem ser elaborados de cima para baixo ou de baixo para cima?......................................................................................................................... 111
Quão detalhado? ........................................................................................................ 111
Exemplo .................................................................................................................112
Orçamentos fixos vs. flexíveis .....................................................................................112
Orçamentos autoajustáveis e redistribuição automática para orçamentos .................................................................................................................113
Orçamentos orientados por comparação externa ..................................................113
VFM, orçamentos orientados por resultados e baseados em evidências....................................................................................................................114
Exemplo 1 ..............................................................................................................114
Exemplo 2 ..............................................................................................................114
O poder das evidências em proteger orçamentos ..................................................115
Boa prática de elaboração de orçamentos e ideias para elaborar um orçamento.........................................................................................................................116
1 Coleta de informações .........................................................................................116
2 Comece com o seu plano ....................................................................................116
3 Identifique os recursos que você precisa para realizar o seu plano .............116
4 Baseado em atividades.........................................................................................117
5 Priorizar atividades ..............................................................................................117
6 Coordenação e comunicação .............................................................................117
7 Envolvendo pessoas e comprometimento ......................................................117
8 Realista, mas desafiador.......................................................................................118
9 Consistência de estimativas ...............................................................................118
10 Desenvolver e promover modelos de orçamentos ......................................118
11 Demonstrar que você pensou a respeito dos seus custos e estimativas ........................................................................................................ 118
12 Envolvimento ......................................................................................................119
13 Dados comuns .....................................................................................................119
14 Mentalidade poupadora.....................................................................................119
15 Distribuindo .........................................................................................................119
16 Seja consistente em relação aos objetivos organizacionais e departamentais ................................................................................................120
17 Planeje antecipadamente e dê um tempo para completar o orçamento ........................................................................................................120
Estabelecendo orçamentos para contingências .................................................121
Exemplo ................................................................................................................ 122
O processo de desafio ................................................................................................... 122
Elaborando orçamentos e medidas de desempenho............................................. 123
O jogo do orçamento .................................................................................................... 123
Apresentando orçamentos .......................................................................................... 124
Elaborando orçamentos com planilhas .............................................................. 124
Desenvolvendo suas habilidades de planilha .................................................... 126
Exercício/ilustração da elaboração de um orçamento..................................... 127
5. Como o caixa deve ser orçado e controlado? ...................................................129
Sistemas de planejamento e previsão de fluxo de caixa ....................................... 129
Gerenciando capital de giro – caixa e risco ............................................................ 130
Gerenciando devedores (contas a receber) ..............................................................131
Dias do devedor e dias de vendas em aberto (DSO – days sales outstanding) ................................................................................................................131
Exemplo ................................................................................................................ 132
Uma análise cronológica de devedores ............................................................... 132
Gerenciando estoque ................................................................................................... 132
Just-in-Time (JIT) ....................................................................................................133
Abordagens estratégicas para a gestão de estoque ............................................133
Gestão de estoque e orçamentos .......................................................................... 134
Cálculos ................................................................................................................. 134
Gerenciando credores (contas a pagar) ................................................................... 135
Fluxo de caixa em um negócio ................................................................................... 135
6. Como uma despesa de capital deve ser orçada? .............................................. 137
O que é uma despesa de capital? ................................................................................137
A regra do payback (ou ponto de equilíbrio)........................................................... 138
Exemplo ................................................................................................................ 138
VPL e FCD....................................................................................................................... 139
O valor do dinheiro no tempo ............................................................................... 139
Exemplo ................................................................................................................ 140
Fórmula ............................................................................................................ 140
Racionamento de capital: índice de lucratividade ................................................ 142
Ajuste estratégico e “roteiros”.................................................................................... 142
Análise de sensibilidade............................................................................................... 143
Risco ................................................................................................................................ 144
Avaliação pós-investimento ........................................................................................ 144
Planejamento de fluxo de caixa a longo prazo ....................................................... 145
Substituição e melhoria de ativos ............................................................................. 145
Investimento em capital de giro ................................................................................ 146

Parte 2 Gerenciando seu orçamento e proporcionando desempenho 149
7. De volta ao básico: vivendo dentro do seu orçamento e proporcionando VFM ..........................................................................................151
Mecanismo de retorno do orçamento .......................................................................151
Índices e orçamentos ................................................................................................... 153
Exemplo ................................................................................................................ 153
Análise do Centro de Custos 101....................................................................... 154
Gerenciando orçamentos ............................................................................................ 155
O modelo VFM para gerenciar e planejar orçamentos ........................................ 160
Os três Es ....................................................................................................................161
Evidência: provando VFM ..................................................................................... 162
Exemplo ................................................................................................................ 162
Um modelo VFM modificado ................................................................................ 162
Economias de custo ................................................................................................. 163
8. Fazendo sentido do custo-padrão e variações................................................. 167
Fazendo sentido de variâncias .................................................................................. 167
Custo-padrão ................................................................................................................. 167
Decomposição de variações........................................................................................ 168
Variações de vendas ................................................................................................ 169
Mão de obra............................................................................................................... 169
Materiais .................................................................................................................... 169
Despesas indiretas ................................................................................................... 169
Exemplo ................................................................................................................ 170
Exemplo de uma análise de variações simples ............................................. 170
Pergunta ............................................................................................................171
Pergunta ............................................................................................................171
Resposta ............................................................................................................171
Análise de variação prática sem custo padrão ....................................................... 172
Parte 1: Descrição do negócio/previsões .............................................................173
Parte 2: Análise ......................................................................................................... 174
9. Riscos, previsões, balanced scorecards e KPIs .................................................179
O balanced scorecard e mapas de estratégia ............................................................ 179
Exemplos da vinculação de KPIs à estratégia ..............................................180
KPIs e orçamentos .........................................................................................................181
Exemplo .................................................................................................................181
Declarações de valores, missão e visão – e orçamentos ....................................... 182
Riscos e orçamentos .....................................................................................................184
Exemplos .............................................................................................................. 185
10. Delegando orçamentos para outros .............................................................. 187
Por que delegar? ............................................................................................................ 187
Orçamentos transferidos ou delegados ................................................................... 187
O fundamento lógico para orçamentos delegados ou transferidos .............. 188
Teoria X e a teoria Y de McGregor ........................................................................... 189
Teoria X ......................................................................................................................190
Teoria Y ......................................................................................................................190
A chave para uma delegação bem-sucedida ...........................................................190
1 Tornar significativos os orçamentos delegados ............................................190
2 Casar autoridade e responsabilidade ..............................................................190
3 Projete um treinamento sob medida e desenvolva a confiança no gerenciamento do orçamento ..................................................................... 191
4 Reconheça a necessidade cada vez maior por velocidade ......................... 192
5 Considere mercados internos e preços de transferência ............................ 192
11. Além do orçamento .............................................................................................195
Introdução ...................................................................................................................... 195
Orçamentos são ruins para os negócios?.................................................................. 196
Implementando a abordagem além do orçamento ............................................... 198
Atingindo objetivos obliquamente – obliquidade .................................................201
Conclusão ...................................................................................................................... 202
Parte 3 Analisando o seu desempenho de orçamento e previsão 203
12. Quais lições você aprendeu? .............................................................................. 205
Entre em ação e assuma a responsabilidade............................................................205
Planos de ação pessoal ................................................................................................ 206
Modelos para recapitular o seu aprendizado e construir um plano de ação .. 206
Capítulo 1: Para que serve o orçamento?.............................................................207
Capítulo 2: O que é uma previsão e como ela difere de um orçamento?..........................................................................................................207
Capítulo 3: Habilidades financeiras de formação essenciais para a elaboração de orçamentos?................................................................................ 208
Capítulo 4: Como o orçamento deve ser elaborado?....................................... 208
Capítulo 5: Como o caixa deve ser orçado e controlado?............................... 209
Capítulo 6: Como uma despesa de capital deve ser orçada?.......................... 209
Capítulo 7: De volta ao básico: vivendo dentro do seu orçamento e proporcionando VFM..............................................................................................210
Capítulo 8: Fazendo sentido do custo-padrão e variâncias ............................210
Capítulo 9: Riscos, previsões, balanced scorecards e KPIs................................211
Capítulo 10: Delegando orçamentos para outros ...............................................211
Capítulo 11: Além do orçamento ........................................................................... 212
Além dos planos de ação: como você sabe que você foi bem-sucedido? .......... 212


Nigel Wyatt recomenda



 

Um lançamento



publicado por o editor às 23:26
link do post | comentar | favorito

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

.subscrever feeds