Quarta-feira, 10 de Dezembro de 2014

PROGRAMAÇÃO CINEMATECA

 


 

 

11 a 17 de dezembro de 2014

 

 

Área artística: Cinema                                                                              

 

Data: 09 a 12 de dezembro de 2014

 

Nome da atração: MOSTRA ARQUITETURA, CINEMA E CIDADE


Dia 9/12 – 16h
A CIDADE É UMA SÓ, de Adirley Queirós (2011, 80 min)

Reflexão sobre os 50 anos de Brasília, tendo como foco a discussão sobre o processo permanente de exclusão territorial e social que uma parcela considerável da população do Distrito Federal e do entorno sofre, e de como essas pessoas restabelecem a ordem social através do cotidiano. O ponto de partida dessa reflexão é a chamada Campanha de Erradicação de Invasões (CEI), que, em 1971, removeu os barracos que ocupavam os arredores da então jovem Brasília. Tendo a CEILÂNDIA como referência histórica, os personagens do filme vivem e presenciam as mudanças da cidade.

Dia 10/12 – 16h
BECO, de Bruno Jorge (2012, 73 min)

Crônica das vidas de nove famílias que vivem numa comunidade sobre palafitas em um afluente do Rio Negro, agora transformado em um depósito de lixo urbano e esgoto a céu aberto, onde um dia já esteve a terceira maior estação de bombeamento de água do Brasil. O governo do estado decidiu que todas essas famílias serão removidas antes do início da Copa do Mundo, já que Manaus é uma das cidades-sede. O filme explora questões sensíveis como a família, a religião e a miséria em ambiente hostil, pintando um retrato da vida em comunidade.

Dia 11/12 – 16h

ELEVADO 3.5, de João Sodré, Maíra Bühler e Paulo Pastorelo (2007, 72 min) É um filme sobre o mundo de pessoas que se cruzam ao longo dos quase quatro quilômetros do Minhocão, via expressa construída na região central de São Paulo durante a ditadura militar.

Dia 12/12 – 16h
PRAÇA WALT DISNEY, de Renata Pinheiro e Sergio Oliveira (2011, 22 min)

Reflexão sobre uma praça, um bairro, uma cidade, um país. Uma “quase música” sobre uma cultura de ocupação urbana que reflete à sociedade brasileira e mundial. O documentário envereda por uma visão subjetiva, não disciplinada, da realidade de um bairro. De um mundo. Privilegia a acuidade sensorial que o audiovisual propicia para a percepção/construção de uma realidade que se passa a nossa frente, mas que muitas vezes não é percebida.

DIQUE, de Adalberto Oliveira (2012, 19 min)

Onde antes era um cenário paradisíaco, surge uma nova paisagem sonora proporcionada pela urbanização desordenada e caótica de uma cidade dormitório.

CARCAÇA, de Camila Carneiro, Diego Baffi, Jéssica Oliveira e Laura Formighieri (2014, 10 min)

Carcaça é uma dança com uma estrutura em decomposição. Uma incursão de dois corpos dispostos a (re)habitar através do movimento um dentre milhares de edifícios abandonados nas cidades. Uma dança que investiga as memórias impressas na arquitetura e, tal qual palimpsesto, impregna-se das camadas de ausência que revela.

TEM GRINGO NO MORRO, de Bruno Graziano e Marjorie Niele (2013, 27 min)

Um retrato do turismo estrangeiro na Rocinha, considerada a maior favela da América Latina e que recebe mais de 3000 gringos todos os meses. Eles vêm interessados pelos mais diversos aspectos; da pobreza à violência, da curiosidade ao assistencialismo, da paisagem ao calor humano, da geografia à arquitetura.

Dia 12/12 – 17h30
HU, de Pedro Urano e Joana Traub (2011, 78 min)
Um edifício partido ao meio: de um lado, o hospital; do outro, a ruína. E no horizonte, a Baía de Guanabara, o Rio de Janeiro, a saúde e educação públicas. Inteiramente filmado no monumental e apenas parcialmente ocupado prédio modernista do Hospital Universitário da UFRJ. Uma metáfora em concreto armado da esfera pública brasileira.

 

Classificação Indicativa: 14 anos

Horário: 16h

Local: Cinemateca

 

Ingresso: gratuito

 

 

 

 

Área artística: Cinema                                                                              

 

Data: 09 a 14 de dezembro de 2014

 

Nome da atração: Mostra "Loren 80 - La piu bella".

 

Descrição: "Loren 80 - La piu bella" é uma homenagem aos 80 da atriz italiana Sophia Loren com uma seleção de filmes de grandes diretores, e uma exposição com cerca de trinta fotografias.

 

Dia 09 - Matrimônio À Italiana, de Vittorio de Sica.

 

Dia 10 - Um Dia Muito Especial, de Ettore Scola.

 

Dia 11 - Arabesque, de Stanley Donen.

 

Dia 12 - El Cid, de Anthony Mann.

 

Dia 13 - Ontem, Hoje e Amanhã, de Vittorio de Sica.

 

Dia 14 - Os Girassóis da Rússia, de Vittorio de Sica.

 

Classificação Indicativa: 14 anos

Horário: 19h

Local: Cinemateca

 

Ingresso: gratuito

 

 

 

 

 

 

Área artística: Cinema                                                                              

 

Data: 13 de dezembro de 2014

 

Nome da atração: Lançamento do documentário Romaria de São Gonçalo

 

Descrição: A pesquisadora e cineasta Lia Marchi que há anos desenvolve seu trabalho no registro das tradições populares acaba de finalizar seu novo documentário: Romaria e Tradição que será lançado no dia 13 de dezembro, sábado, às 15 horas, na Cinemateca de Curitiba ((R. Presidente Carlos Cavalcanti, 1174). O projeto acompanhou a construção da Romaria de São Gonçalo realizada pela família Moraes, coordenada pelo romeiro José Moraes, no Sul do Brasil, na pequena localidade rural de Góes Artigas, interior do Estado do Paraná. O filme conduz o espectador pelos encontros e conversas dos familiares, que em meio ao fazer presente, relembram o passado e refletem sobre o futuro de sua tradição que já existe há mais de um século. A família Moraes virá especialmente para o lançamento.

A cineasta explica que essa festa tem dois momentos principais. De noite, acontece a Romaria para São Gonçalo, na qual o romeiro e seu ajudante empunham o violão e/ou a viola e auxiliados por seis cantadeiras, conduzem os pares que passarão a noite dançando. Na madrugada São João também é homenageado com uma procissão que segue até o rio para lavar a imagem do santo. “Nosso documentário mostra uma série de elementos desta festa popular como a pintura do mastro, a limpeza do terreiro, o carnear o porco, o tirar a lenha e a preparação do jantar - a tradicional quirera de porco, dão um sabor especial a esta Romaria que atravessará a noite. Os devotos têm o costume de se lavar no rio e olhar a própria imagem na água. Diz a crença que quem não enxergar seu reflexo, não verá a próxima Romaria”, conta a pesquisadora.

Festas, romarias, música, dança e muitas outras manifestações culturais tem sido o objeto de estudo e pesquisa da cineasta Lia Marchi que, ao longo de mais de 17 anos de pesquisa, documenta e divulga os saberes e expressões populares do Brasil. O documentário Romaria e tradição, projeto da Lei Municipal incentivado pelo Banco do Brasil, é mais um fruto desse caminho. Lia Marchi entende que para conhecer o Brasil e compreender o viver e o sentir do seu povo é fundamental voltar o olhar para as tradições culturais e musicais de sua gente. “Ao buscar uma proximidade com tais tradições, acordamos para um entendimento dos hábitos, dos costumes, dos modos de falar e de fazer, do conhecimento da terra, dos saberes e ofícios de outros tempos, das expressões cotidianas, e nos damos conta desse todo transformado em trabalho, festa e fé – em vida e representação desta vida”, finaliza.

 

 

Duração: 22 min.

 

Mais informações site: www.olariacultural.com.br ou pelo email contato@olariacultural.com.br

Mais informações e entrevistas:

RB Escritório de Comunicação

Rodrigo Browne: 9145-7027

 

 

Classificação Indicativa: Livre

Horário: 15h

Local: Cinemateca

 

Ingresso: gratuito

 

 

publicado por o editor às 20:17
link | comentar | favorito

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

.subscrever feeds